Ajuda humanitária

Em meio à crise, Venezuela recebe navio-hospital chinês

A chamada Arca da Paz é um navio-escola da Marinha chinesa e seu envio é uma demonstração de fortalecimento da relação entre o país sul-americano e a nação asiática

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h28

CARACAS

Em meio à crise econômica, política, social e humanitária, a Venezuela vai receber um navio-escola da China, que é um hospital ambulante. A informação foi confirmada pela vice-presidente da República, Delcy Rodríguez.

A chamada Arca da Paz é um navio-escola da Marinha chinesa. Segundo a vice-presidente, o envio do hospital é uma demonstração do fortalecimento entre Venezuela e China.

O navio-escola reúne 549 pessoas treinadas a bordo, incluindo aspirantes, oficiais da Marinha e marinheiros. No local, há cerca de 500 leitos de enfermaria, salas de cirurgia e uma unidade de terapia intensiva (UTI).

A chegada do navio-escola ocorre no momento em que há um êxodo causado pela crise migratória de venezuelanos. A estimativa é que mais de 2 milhões de imigrantes tenham deixado a Venezuela nos últimos anos.

Com a crise, foi aberta uma discussão internacional, pois houve momentos de tensão no Brasil, na Colômbia, no Peru e no Equador – países mais procuradores pelos imigrantes na região.

As informações são da VTV, emissora pública de televisão da Venezuela.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.