Política | Zelotes

Inquérito contra Jucá e Renan é arquivado

Ministro Ricardo Lewandowski atendeu pedido feito pela PGR que disse não haver indícios de crimes
15/09/2018

Brasília - O ministro Ricardo Lewandowski arquivou nesta sexta-feira, 14, um inquérito que apurava suspeitas de envolvimento dos senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e Romero Jucá (MDB-RR) em um esquema de venda de emendas a medidas provisórias.
As apurações são alvo da Operação Zelotes. O ministro atendeu a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), que apontou não haver indícios de que os senadores tivessem cometido crime.
As investigações tiveram como ponto de partida um diário apreendido com um dos investigados na Zelotes, João Batista Gruginski, em que ele registra um encontro com outro investigado: Alexandre Paes dos Santos.
“Reafirmando este objeto investigativo, outra conclusão não há, após as diligências, senão a de que não há mínimos elementos probatórios (base empírica) para justificar a deflagração de ação penal contra os parlamentares”, afirmou a PGR.
Na decisão, o ministro também tornou público o processo, que até então tramitava em segredo de Justiça.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte