Polícia | Violência

Pais são acusados da morte de bebê na cidade de Dom Pedro

Recém-nascido teria sido torturado e violentado sexualmente pelo casal que foi autuado em flagrante, segundo a polícia
Ismael Araújo18/07/2018

DOM PEDRO - Um bebê do sexo feminino de 2 meses, foi torturado e violentado sexualmente antes de morrer afirmou, ontem, o delegado João Marcelino, de Presidente Dutra. Ele ainda informou que o inquérito policial foi concluído ontem e encaminhado para o Poder Judiciário. A criança morreu no último dia 2, em Dom Pedro, e os pais são apontados como os principais acusados, um adolescente de 17 anos, e Nathália Carneiro de Oliveira, de 18 anos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte