Cidades | Alerta

MP pode apurar negligência de pais na vacinação contra pólio

Omissão de pais e responsáveis pode ser investigada pelo Ministério Público e penalizada; ação está prevista no ECA; fake news preocupam a OMS
17/07/2018

SÃO LUÍS - Os casos de negligência de pais e responsáveis em não providenciar a imunização de crianças contra a poliomielite podem ser investigados pelo Ministério Público (MPMA). A informação foi confirmada pela promotora de Justiça e coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude (CAOP/IJ), Alessandra Darub. No Maranhão, 31 municípios apresentaram percentual de imunização abaixo do esperado para poliomielite, segundo levantamento do Ministério da Saúde.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte