Política | Lava Jato

Relator da Lava Jato no TRF-4 reafirma revogação dos atos de colega que tentavam libertar o ex-presidente Lula

João Pedro Gebran Neto insiste na tese de que o desembargador federal Rogério Favreto estava reexaminando decisões já apreciadas em órgãos judiciais de origem e negou a tese de fato novo para liberdade do pré-candidato do PT
10/07/2018

BRASÍLIA - O desembargador João Pedro Gebran Neto, do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), relator dos casos da Operação Lava Jato na Corte, reiterou na tarde desta segunda-feira (9) a própria decisão de ontem, revogando os atos tomados pelo desembargador Rogerio Favreto, que estava de plantão. O magistrado havia revogado o habeas corpus concedido pelo colega, que determinou a suspensão da execução provisória da pena do ex-presidente Luiz Inácio Lula da S

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte