Esporte | Mercado da bola

Frota confirma permanência de William e critica saída de lateral

Presidente do Sampaio revelou conversa com o volante, que decidiu ficar no clube, mas fez duras críticas a Pedro Rocha, que foi para o futebol português
05/06/2018 às 16h02
Sérgio Frota revelou negociação complicada para permanência de William Oliveira

SÃO LUÍS – Peça importante no esquema do técnico Roberto Fonseca, o volante William Oliveira vai permanecer no Sampaio Corrêa. Depois de receber proposta do Ceará com o dobro em aumento salarial, o atleta se reuniu com a diretoria do Tricolor e acertou a sua permanência. O presidente Sérgio Frota se reuniu com o jogador e seu empresário no CT do clube e chegou a um entendimento com as partes.

“Como todos podem ver, o Sampaio é uma vitrine nacional, e nossos destaques acabam despertando interesse de outros clubes com maior poder aquisitivo. Mas, apesar de todos os desafios, sempre tentamos fazer o possível para manter nosso elenco forte. Foi uma negociação difícil, porque a proposta era alta, mas conseguimos acertar tudo, sabendo da importância do jogador para a nossa equipe”, destacou o presidente boliviano em entrevista ao site oficial do clube.

William Oliveira desistiu de ir para a equipe do Ceará

Porém, mesmo feliz com a permanência de William Oliveira, Sérgio Frota lamentou a perda do lateral Júnior Rocha, que recebeu uma proposta do futebol português, e criticou a forma com seu deu a saída desse atleta.

“Confesso que o modo como se deu a saída do Junio Rocha me deixou insatisfeito. O jogador passou três meses lesionado, recebendo todo o apoio do clube durante a sua recuperação, salários, auxílio moradia, e simplesmente decidiu ir embora, sem ao menos me telefonar. Sendo que estava relacionado para a partida e o treinador gostaria de contar com ele. Então, o Sampaio precisa ser recompensado de alguma maneira, pois não é dessa forma que se resolvem as questões contratuais”, afirmou.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte