Política | Paço do Lumiar

Domingos Dutra quer renunciar para concorrer a deputado federal

Prefeito de Paço do Lumiar já articula volta para o Partido dos Trabalhadores (PT) para tentar voltar a Câmara dos Deputados
Carla Lima/Subeditora de Política03/04/2018 às 09h32
Domingos Dutra quer renunciar para concorrer a deputado federalDomingos Dutra, que ao lado da esposa, Núbia Dutra, faz uma gestão polêmica em Paço do Lumiar (Divulgação)

Por meio de suas redes sociais, o deputado estadual Zé Inácio (PT) fez a defesa, na manhã desta terça-feira, 3, do retorno de Domingos Dutra, prefeito de Paço do Lumiar, ao PT. Esta volta ao partido de origem, daria espaço para o gestor deixar o Poder Executivo e tentar voltar a Câmara dos Deputados.

Com uma gestão polêmica e extremamente critica em Paço do Lumiar, Domingos Dutra - que já foi acionado duas vezes pelo Ministério Públicos Estadual por ato de improbidade administrativa e 16 inquéritos também do MP - parece não querer mais ser prefeito.

Junto com o deputado Zé Inácio - o maior defensor do ingresso do deputado federal Waldir Maranhão no partido - Dutra articula sair do PcdoB, sua atual legenda pela qual foi eleito prefeito de Paço, para voltar ao PT e assim conseguir o que mais deseja: voltar a ser deputado federal.

E o prefeito não tem somente o apoio do deputado petista. O presidente estadual da legenda, Augusto Lobato, também quer o retorno de Domingos Dutra, um dos fundadores do partido no Maranhão.

Dutra tem até o próximo dia 7, sábado, para conseguir sair do partido comunista e voltar ao PT. Além disso, o prefeito terá que desistir do mandato em Paço do Lumiar.

O prefeito já até chegou a tratar informalmente com o presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry, sobre a possibilidade de deixar a legenda. Por enquanto, segundo informou o comunista, não há qualquer definição porque ainda não houve uma reunião para tratar sobre o assunto.

Se Dutra deixar a Prefeitura de Paço do Lumiar assumirá Maria Paula Azevedo (SD), vice-prefeita.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte