Cidades | Falta de educação

Lixo descartado irregularmente se acumula em terreno baldio no Cohaserma, em SL

No local tem coleta, mas moradores da área e carroceiros voltam a jogar entulhos, de acordo com populares
Daniel Júnior / O Estado11/03/2018 às 10h02
Lixo descartado irregularmente se acumula em terreno baldio no Cohaserma, em SLLixo é descartado no local pelos moradores e carroceiros (Divulgação)

SÃO LUÍS- Vegetação alta, lixo doméstico, restos de construção civil, garrafas de vidro e outros tipos de entulhos tomam conta de um terreno abandonado localizado na Rua I, no bairro do Cohaserma, em São Luís. De acordo com a população da área, os detritos são descartados pelos próprios moradores da área e também por carroceiros que vêm de regiões adjacentes. Por causa da sujeira, o espaço se tornou ideal para a proliferação de insetos e prática de ações criminosas, pois é muito esquisito.

Segundo a aposentada Marta Maria Rodrigues Coimbra, de 61 anos, no local tem coleta de lixo, mas, depois da limpeza, a população volta a descartar entulhos. “Não adianta limpar. O carro do lixo passa aqui e faz a coleta, mas o povo continua jogando entulhos. Deveria construir uma praça, seria muito legal para nós moradores”, sugeriu Coimbra.

O Estado encontrou até um privada em meio aos entulhos, além de um grande número de garrafas de vidro, que pode se quebrar e causar acidentes.

No espaço que exala um mau odor, tem até uma placa informando para manter o ambiente limpo, mas é ignorada e, sem pudor, o descarte irregular é consumado. Esse lixo é jogado aí por carroceiros que vêm de localidades próximas e também pelos moradores daqui. A Prefeitura limpa quando tem muito entulho, mas depois volta a ficar na mesma situação”, explicou a técnica de planejamento Daniele Cardoso Correia, de 31 anos, que passa diariamente próximo ao terreno.

Sobre a situação, a Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh) informou que uma equipe da Blitz Urbana será enviada para levantar a situação do terreno, para adotar as medidas necessárias. Sobre o acúmulo de lixo na Rua I, do Cohaserma, o Comitê Gestor de Limpeza Urbana que irá providenciar a limpeza da área. O órgão destaca que trata-de de ponto de descarte irregular e que são feitas ações constantes de remoção mecanizada e manual no local para manter a limpeza na área. Por isso, o órgão pede o apoio da população para que faça o descarte do lixo domiciliar de forma adequada, acondicionando-o em sacos plásticos e colocando em sua porta nos dias e horários da coleta.

O órgão também pede o apoio da população para combater o descarte irregular de resíduos e informa que materiais recicláveis e resíduos não coletados através do serviço de coleta convencional, como resíduos de construção civil e restos de poda e capina, devem ser descartados em um dos nove Ecopontos já em funcionamento na capital. O Comitê ressalta ainda que irá reforçar o monitoramento no Cohaserma, buscando identificar a origem de descargas irregulares e possíveis falhas na coleta.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte