Polícia | Violência

Duas mulheres brigam por namorado na Cohab

Elas acabaram lesionadas e ensanguentadas, foram apresentadas na delegacia onde devem ser ouvidas pelo delegado ainda hoje
Ismael Araújo23/01/2018
Duas mulheres brigam por namorado na CohabAlessandra, ensanguentada, circulava em via pública na Cohab (Paulo Soares)

SÃO LUÍS - Duas mulheres identificadas apenas como Alessandra e Bren­da, foram vistas em plena Avenida Jerônimo de Albuquerque, na Cohab, ensanguentadas na manhã de ontem. Segundo a polícia, elas tinham sido lesionadas durante uma briga por causa de namorado, em plena Praça do Rodão, naquele bairro. Uma delas, Alessandra, ao fugir do local, agrediu fisicamente e tentou tomar a câmera do repórter fotográfico de O Estado, Paulo Soares.

Alessandra, que estava coberta de sangue, principalmente, na rou­pa, foi vista correndo nas proximidades de um supermercado, na Cohab. O sangue escorria pelo rosto, braços e pernas da vítima. Muitos moradores ficaram assustados ao ver a mulher desconhecida circulando pela área e sem querer ajuda.

Alguns motoristas chegaram a parar seus veículos para prestar socorro a ela, e isso acabou formando um engarrafamento na via, mas foi controlado pelos agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). Os vendedores do comércio local também tentaram prestar ajudar à vítima, mas sem sucesso.

O repórter Paulo Soares, ao tentar registrar o fato, acabou sendo agredido por Alessandra. Segundo ele, ela pulou em cima do repórter e puxou a sua máquina fotográfica. “Ela veio para cima de mim toda suja de sangue, tentando tomar o meu material de trabalho”, declarou o fotográfico jornalístico.

A polícia informou que as duas mulheres teriam brigado na praça da Cohab e que Alessandra foi lesionada no queixo e a outra vítima, no pescoço. Os populares acionaram a polícia e as duas mulheres foram apresentadas na delegacia de Polícia Civil do bairro. Hoje pela manhã, as duas serão ouvidas pelo delegado Sindonis Cruz e vai ser lavrado o Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO). Ainda de acordo com as informações da polícia, as duas vítimas não correm risco de morte. l

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte