Cidades | Perigo na via

Deformações no asfalto colocam em risco vida de pedestres

Situação é ruim em frente as paradas de ônibus do Monte Castelo, em frente ao Santuário de Nossa Senhora da Conceição
21/01/2018 às 00h00
Deformações no asfalto colocam em risco vida de pedestresDeformações no asfalto podem causar acidentes no Monte Castelo (Biné Morais / O ESTADO)

SÃO LUÍS - Após as primeiras chuvas, diversos locais de São Luís apresentam buracos e deformações no asfalto, a exemplo da Avenida Getúlio Vargas, próximo ao Santuário de Nossa Senhora da Conceição, no Monte Castelo.

Nos dois lados da via, em frente a duas paradas de ônibus, reclamações são frequentes, por causa das lombadas existentes no local, que dificultam a passagem dos pedestres,principalmente quando chove, quando os buracos ficam encobertos pela água, impedindo a visão dos pedestres.

Quem transita pelo local, relata que idosos já caíram diversas vezes na via por causa das lombadas, com perigo maior no momento do embarque e desembarque dos ônibus. A dona de casa, Dinorá Rodrigues, que utiliza com frequência a parada de ônibus tratou sobre o problema. “Essa situação é muito complicada, o risco de cair e ter alguma lesão aqui é permanente. Mulheres grávidas, idosos e crianças são os mais prejudicados, caso aja queda”, disse Dinorá Rodrigues.

É possível perceber, em frente as paradas rachaduras provocadas pelas chuvas, pelo peço dos ônibus que aumentam cada vez que passam pelo local.

Até o fechamento da edição a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) se pronunciou sobre o assunto.

E MAIS

Poucos metros a diante, mais uma dificuldade aos pedestres, um bueiro entupido dificultada a passagem após poucos minutos de chuva. Uma grande quantidade de lixo se acumula no local, entupindo galerias, formando assim uma lagoa, obrigado quem passa pelo local colocar os pés dentro da água suja.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte