Cidades | Folia

Produtos de Carnaval podem ser perigosos para adultos e crianças

Mesmo estando na validade, as espuminhas são inflamáveis e podem causar acidentes
10/01/2018

SÃO LUÍS - Já é tradição durante o período de Carnaval os foliões se sujarem com produtos que complementam a brincadeira. Porém, caso não sejam tomados os cuidados necessários, os riscos de acidentes, como incêndios, podem ocorrer, principalmente com as espuminhas de Carnaval.

As crianças são as que mais têm contato com as espuminhas. No entanto, o coronel França, da Diretora de Atividades Técnicas (DAT) do Corpo de Bombeiros, explica que os cuidados devem ser redobrados. Ele frisa que a principal preocupação que pais e adultos que utilizam o produto devem ter é com relação à validade. “As espumas de Carnaval já são perigosas devido à situação inflamável, mesmo dentro da validade. Quando estão fora, o perigo é ainda maior, e qualquer faísca pode ser fatal”, disse.

Ele sugeriu que não sejam oferecidas espumas aos pequenos, mas, caso ocorra, os pais devem sempre ter o máximo de atenção.

Além dos cuidados com as espumas de Carnaval, ele indica atenção a serpentinas e confetes, confeccionados com material que pode ser rapidamente tomado por qualquer faísca, e a proximidade ao componente inflamável pode ser fatal, causando acidentes graves e gerando muitos prejuízos e danos aos foliões.

Além dos materiais fáceis de serem queimados, o coronel França citou ainda os cuidados a serem tomados com os que podem prejudicar a pele. Segundo ele, produtos como maisena, talco e pó de mico podem causar danos. Para isso, ele ressaltou que os foliões não deve jogá-los nos olhos e no aparelho auditivo. Caso isso, ocorra o folião deve removê-los com bastante cuidado e por completo.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte