Geral | Sem abastecimento

Moradores do bairro Cohabiano ficam sem água por três dias

Populares alegam que o impasse é frequente no bairro e são obrigados a desembolsar cerca de R$ 35 por cada mil litros de água comprados; BRK Ambiental é a empresa responsável pelo abastecimento no município
21/11/2017
Moradores do bairro  Cohabiano ficam sem  água por três dias Moradores foram obrigados a comprar água para atender suas necessidades (De Jesus / O ESTADO)

SÃO LUÍS - Sem água nas torneiras há três dias, moradores do Cohabiano, em São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís, são obrigados a pagar pelo serviço de carro pipa para abastecer as residências. Os populares alegam que a situação persiste no bairro e precisam desembolsar cerca de R$ 35,00 a cada mil litros de água comprados.

O marítimo Hoendel Silva Neto, de 48 anos, precisou comprar água porque as duas caixas d’água dele secaram. “Essa situação é frequente aqui. Tenho duas caixas que utilizo para estocar água, mas desde sexta-feira a tarde que não chega uma gota de água em casa. Estou cansado de ligar para BRK Ambiental - empresa responsável pelos serviços de água e esgoto de Ribamar e Paço do Lumiar -, mas informam que não sabem nada sobre o problema de falta de água”, relatou, indignado.

Outro impasse relatado pelos moradores é que a água chega tão fraca que não sobe às torneiras. Devido a isso, são obrigados a ligar a bomba diversas vezes ao dia, o que encarece a conta de energia elétrica.

Com contas de água que chegam a R$ 260, 00 o aposentado Walter Santos Pereira, de 77 anos, reclama do impasse. “É difícil ter água e quando chega é muito fraca. A conta chega todo mês, pontualmente, mas não temos os serviços que deveriam ser prestados. A minha sorte é que tenho um poço aqui na minha casa”, explicou.

A funcionária pública Rosélia Bordalo Martins, de 46 anos, explica que a falta de água persiste no bairro. “Isso é quase toda semana. O pior é quando falta nos finais de semana porque ficamos sem poder fazer nada. Quando a água chega é bem fraca. Todos aqui já compramos caixa e bomba pra se adaptar a esse problema. A conta de energia vem até mais cara porque sempre temos que ligar a bomba”, finalizou.

Mais

Nota da BRK Ambiental

A BRK Ambiental, concessionária responsável pelo abastecimento de água em S. J. de Ribamar e Paço do Lumiar informou que a empresa já concluiu a correção do poço localizado no bairro Cohabiano que estava parado no último sábado, 18. A operação foi concluída nessa segunda – feira, 20, por volta das 14h40, com o abastecimento de água normalizado na região.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte