Economia | Recuo

Expoema voltará a ser realizada no Parque Independência

Depois de inviabilizar a Exposição Agropecuária ano passado, o Governo do Estado recua e cede novamente o espaço para a Associação dos Criadores do Maranhão (Ascem) realizar o evento na capital maranhense
12/07/2017
Expoema voltará a ser realizada no Parque IndependênciaParque Independência foi retomado pelo Governo do Estado ano passado e relegado ao abandono (paulo soares)

SÃO LUÍS - O presidente da Associação dos Criadores do Maranhão (Ascem), Ivaldeci Mendonça, anunciou oficialmente ontem que a 60ª Exposição Agropecuária do Maranhão (Expoema) não mais será realizada em Santa Inês, como estava previsto, mas em São Luís, no Parque Independência. Além do local, a data também mudou: de setembro passou para o fim de outubro ou início de novembro.

A notícia da volta da Expoema ao Parque Independência foi informada durante reunião de diretoria da Ascem, na noite de segunda-feira, 10, da qual participaram associados, o secretário adjunto da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), Emerson Macedo; o presidente da Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged), Sebastião Anchieta; e o presidente da Federação da Agricultura do Estado do Maranhão (Faema), Raimundo Coelho.

Ivaldeci Mendonça explicou que a realização da Expoema em Santa Inês demandaria um investimento muito alto numa área particular. Em vista disso, houve entendimento entre a Ascem e o Governo do Estado para que a exposição aconteça em São Luís. “Houve um diálogo maduro em que prevaleceu o interesse do governo - que se convenceu de que o valor de R$ 1,3 milhão, já assegurado, poderia ser melhor empregado - e dos criadores de realizar o maior evento da agropecuária maranhense em São Luís”, assinalou

O presidente da Ascem informou, no entanto, que a cessão do Parque Independência é apenas para realizar esta edição da Expoema, pois o espaço será destinado para a construção de conjunto habitacional para servidores públicos estaduais. “No próximo ano, a Expoema acontecerá na cidade de Imperatriz”, afirmou.
Ivaldeci Mendonça disse que, como não há tempo hábil para a realização da Expoema em setembro, mês que já é tradição, o evento foi transferido para outra data, devendo acontecer entre o fim de outubro ou início de novembro

Agora, com essa definição de local, a Ascem irá fazer um levantamento da situação atual do Parque Independência, com vistas à recuperação do espaço. Também iniciará os contatos com potenciais parceiros (bancos, instituições, empresas) para a organização da 60ª Expoema.

Mais

Lembrando os fatos

Em 30 de março de 2016, o Governo do Estado informou a Ascem a intenção de retomar o Parque Independência, então administrado pela entidade em forma de comodato, desde 2009 e cuja vigência iria até 2026

Nesse período, a Ascem já estava tratando da organização da 60ª edição da Expoema

Após inúmeras tentativas para que o governo recuasse da decisão, a Ascem recebeu oficio dia 2 de junho, informando que a entidade deveria entregar as chaves do Parque Independência.

Sem o espaço, não restou alternativa a Ascem a não ser cancelar a Expoema. A decisão do governo revoltou os criadores, classificando o ato como lamentável e um passo dado atrás pelo governador Flávio Dino.

O Governo disse que o Parque Independência teria como destinação a implementação de um Programa Habitacional do Servidor Público (PHSP).

O processo licitatório de construção de 2.048 moradias na área foi lançado e logo depois suspenso sob suspeita de direcionamento para determinada empresa.
Desde então, o Parque Independência ficou em total estado de abandono, tomado pelo mato.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte