Esporte | Decisão

Sampaio e Cordino decidem o Campeonato Maranhense-2017

Por ter vencido o jogo de ida por 2 x 1, o Tricolor joga por um empate para ficar com o título, enquanto a Onça precisa de vitória simples por ter melhor campanha
29/06/2017
Sampaio e Cordino decidem o Campeonato Maranhense-2017Isac é a esperança de gol no Sampaio (Paulo Soares/O Estado)

SÃO LUÍS - Enfim o Campeonato Maranhense de futebol 2017 deve acabar hoje com a partida Cordino x Sampaio Corrêa, às 20h15, no Estádio Frei Epifânio D’Abadia. Por ter vencido o jogo de ida por 2 x 1, o Tricolor joga por um empate para ficar com o título. Enquanto a Onça precisa de vitória simples por ter melhor campanha na competição e tem a seu favor a igualdade no placar agregado. O confronto será realizado em Imperatriz, porque o Estádio Leandrão, em Barra do Corda, não atende as exigências do regulamento da competição, que exige que a decisão seja realizada em um local com capacidade mínima para dois mil torcedores.

Cheio de confusões, o Campeonato Maranhense devei ter terminado no início de março e se arrastou até o final deste mês por causa de muitas disputas no tapetão. A competição foi interrompida três vezes. A primeira foi pela própria Federação Maranhense de Futebol (FMF) para que o Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão (TJD-MA) julgasse o recurso do Moto Club, que pedia a revisão do regulamento. A segunda paralização foi determinada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) até que fosse julgado o recurso do Sampaio Corrêa que pedia a anulação do julgamento no TJD. E a terceira paralização foi provocada novamente pela FMF, para que se julgasse o recurso do Cordino, para que pudesse mandar a partida de volta da final no Leandrão.

As várias lambanças no Estadual-2017 provocaram a queda do vice-presidente de competições da FMF, Antônio Henrique, que foi substituído por outro ex-dirigente do Moto, Hans Nina, que já tomou posse prometendo reorganizar do Campeonato Maranhense em 2018.

Ansioso para que o Campeonato Maranhense tenha fim e de olho no título, o técnico do Sampaio, Francisco Diá, destacou a importância da competição. “É um jogo importante para todos. Diretoria, jogadores, para a comissão técnica, para a torcida. Sabemos que decisão é sempre um jogo difícil. Vamos a Imperatriz depois de um jogo muito desgastante pelo Brasileiro, mas espero que a equipe repita a boas atuações que temos feito e sair com esse título que é importante para todos”, afirmou.

Para o comandante do Tricolor, o jogo de volta será disputado em um campo neutro, mas é preciso saber explorar a vantagem. “É um campo bom de se jogar. Tem um gramado excelente. E isso vai favorecer não só o Sampaio, como também o Cordino. Tanto que o primeiro turno eles conseguiram o título lá. Independente do campo, temos que superar tudo isso”, disse.

De acordo com Francisco Diá, a solicitação de exame antidoping por parte do Sampaio faz parte do clima de decisão. “É um direito que assiste. Assim como os adversários pede contra nós. É normal você pedir o exame antidoping em uma decisão. Às vezes tem medicação, alguma substância. Tudo vale na decisão”, comentou.

Mudanças no Tricolor

Contra o Cordino, Francisco Diá, deve fazer ter três mudanças em relação ao time que venceu o Salgueiro, por 1 x 0, domingo, à tarde no Nozinho Santos, pela sétima rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. O zagueiro Fredson, que não jogou contra o Salgueiro por estar suspenso, volta ao time titular no lugar de Alex, que deve ficar como opção no banco de reservas. Hiltinho, que também não jogou no domingo por ter que cumprir suspensão, deve retornar a equipe principal na vaga de Marlon.

Do lado do Cordino, o técnico Marlon Cutrim promete enfrentar o Sampaio com força máxima. Já eliminado da Série D do Campeonato Brasileiro, a partida de amanhã será a última oficial da Onça na temporada Santos do Amapá.

Preocupado com a decisão, Marlon Cutrim poupou jogadores contra o Santos (AP) no último domingo. O volante Júnior Negão e o zagueiro Da Silva, sequer viajaram com o time para o Amapá. Além da dupla, o artilheiro do Cordino na temporada com 14 gols, Ulisses, e o lateral Alf também ficaram treinando para a decisão em Barra do Corda.

O zagueiro Da Silva, o lateral-esquerdo Jeferson e os volantes Émerson e Júnior Negão, retornam a equipe titular do Cordino após cumprir suspensão automática.

Apesar do retorno certo destes atletas, o técnico Marlon Cutrim só vai definir a equipe titular momentos antes de iniciar a partida.

Ficha técnico

Competição: Campeonato Maranhense da Série A 2017 / Fase: final / Rodada: volta / Data: 29/06/2017 / Horário: 20h15 / Local: Estádio Frei Epifânio D’Abadia – Imperatriz (MA) / Árbitro: Mayron Frederico dos Reis Novaes / Assistentes: Cicero Romão Batista Silva e Carlos André Pereira de Sousa / Jogo de ida: Sampaio 2 x 1 Cordino

Cordino

Eduardo Alves; Alef, Lucas Costa, Ferreira e Jefferson; Júnior Negão, Émerson, Romero e Ulisses; Pedro Gusmão e Jocivan

Técnico: Marlon Cutrim

Sampaio

Alex Alves; Roniery, Fredson, Maracás e Esquerdinha; César Sampaio, João Vitor, Diego Silva e Hiltinho; Felipe Marques e Isac

Técnico: Francisco Diá

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte