Geral | Mais recursos

Obra de duplicação da BR-135 recebeu aditivo de R$ 65 milhões

Serviços, anteriormente orçados em pouco mais de R$ 354 milhões, estão avaliados atualmente pelo DNIT em R$ 420 milhões
Thiago Bastos / O Estado 12/05/2017
Obra de duplicação da BR-135 recebeu aditivo de R$ 65 milhões Trecho em obras da BR-135 na localidade Campo de Perizes (Flora Dolores / O ESTADO)

SÃO LUÍS - As obras de duplicação dos 27,3 quilômetros do trecho entre Estiva e Bacabeira da BR-135 – principal rodovia que corta o estado – receberam aditivos de R$ 65.300.684,98 para conclusão, prevista para acontecer em dezembro deste ano. A informação é da Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) no Maranhão. Segundo o órgão no âmbito estadual, o recurso suplementar foi necessário para a execução de procedimentos de urgência. Com isso, as obras estão orçadas atualmente em R$ 420 milhões.

O valor anteriormente previsto para os serviços da ampliação da rodovia, que começaram em 2012, era de aproximadamente R$ 354.699.315,02, conforme publicado pelo Governo Federal. O montante está fixado, inclusive, em uma placa colocada no marco inicial da obra, a alguns metros da ponte do Estreito dos Mosquitos (sentido capital-interior). Mesmo com a divulgação, os R$ 420 milhões previstos poderão ser superados, de acordo com o próprio Ministério dos Transportes. Segundo a pasta federal, os serviços poderão chegar a R$504.570.000,00 oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

O superintendente do DNIT no Maranhão, Gerardo Fernandes, admite que a obra enfrentou problemas, mas, segundo ele, os serviços deverão ser finalizados. “Tudo depende do planejamento feito com o Governo Federal, que fez algumas revisões de valores”, disse. Segundo cronograma anterior do DNIT, a duplicação da BR-135 deveria ter sido concluída em 2014.

No canteiro central, os trabalhos seguem em ritmo ainda lento mas, de acordo com o DNIT, devido ao forte período chuvoso. Segundo o órgão, os serviços deverão ser intensificados a partir do segundo semestre deste ano.

O que já foi feito

Pelo menos 80% dos serviços da obra entre Estiva e Bacabeira já foram concluídos. A parte mais dispendiosa dos serviços, que consiste na fixação das colunas de brita, foi finalizada. Esta etapa da obra é considerada a mais importante, já que as colunas serão responsáveis pela sustentação da pista, montada em solo considerado mole.

Além da fixação das colunas de brita, outra parte importante da obra foi a retirada dos trilhos da Companhia Ferroviária do Nordeste (CFN) . Segundo o DNIT, novos trilhos foram colocados ao lado do acostamento da pista ampliada da BR-135.

Relembre

Em janeiro deste ano, o Ministério dos Transportes autorizou a duplicação de mais uma etapa da ampliação da BR-135, entre o povoado Outeiro e Miranda do Norte. De acordo com o DNIT, serão aplicados R$ 155 milhões na extensão do trecho de 32,5 km. Apesar da autorização, até o momento, não há previsão para o início desta etapa da obra.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.