Alternativo | Teatro

Espetáculo “Cora Coralina dentro de mim" chega a Imperatriz e SL

Premiado pela Funarte com o Myriam Muniz 2014, montagem está em cartaz há 17 anos e tem idealização e interpretação da atriz e escritora maranhense Lilia Diniz
12/03/2017 às 07h00
Atriz Lilia Diniz em cena do espetáculo "Cora dentro de mim"

Trazendo um clima intimista e aconchegante, com cheiro de doce, cravinho, caramelo e boa prosa, o espetáculo "Cora dentro de mim - plantando roseiras & fazendo doces", chegará aos palcos do Maranhão no mês de março. As primeiras apresentações serão em Imperatriz, na quarta, 22 e quinta, 23, às 20h, no Teatro Ferreira Gullar (Centro), com ingressos a R$ 10,00. Em São Luís, a peça será apresentada no sábado, 25, às 20h e domingo, 26, às 19h, no Cine Teatro da Cidade (Centro), com entrada gratuita. A classificação é de 14 anos.

Idealizado e interpretado pela atriz e escritora maranhense Lilia Diniz, o espetáculo aborda os pensamentos da doceira e escritora Cora Coralina, por meio de seus versos e contos. Premiado pela Funarte com o Myriam Muniz 2014, Cora dentro de mim - plantando roseiras & fazendo doces" é um espetáculo cênico-poético-musical e já foi assistido por mais de 10 mil pessoas ao longo de 17 anos em cartaz. A encenação é permeada de encantamento e delicadezas remetendo a plateia à cozinha de Cora, na velha Cidade de Goiás.

O espetáculo promove um estímulo aos sentidos e às memórias, conduzindo o público à casa da infância, com cheiro da comida da avó, o perfume da tia, como se ouvindo histórias de seus familiares, ao redor do fogão à lenha, enquanto o doce de banana, que é feito em cena, fica pronto para degustação ao final do espetáculo.

"‘Todas as vidas’ foi o primeiro poema que li dessa mulher, que veio a ser parte da minha vida profissional e pessoal de modo intenso, intrínseco e permanente. De 1996 até agora, Cora Coralina passou a conduzir-me pelos caminhos saborosos, dolorosos e amorosos de sua poesia”, diz Lilia Diniz. A triz relembra que a escritora chegou até ela pelas pessoas, que emprestaram livros e contaram histórias de suas visitas à casa velha da ponte, dos momentos entre um poema por ela recitado e um cafezinho ou doce servido naquela cozinha. “O desejo de interpretar seus poemas e contos germinou, inevitavelmente, adubado pelo encorajamento daqueles que amam a escritora e seus laboriosos escritos forjados na lida com as plantas e suas flores e frutos, no calor do fogão à lenha e seus doces, sustento de suas publicações", explica Lilia Diniz.

Antes de ser apresentado em São Luís, a montagem passou por Brasília (DF) e Imperatriz (MA). Depois de São Luís, o espetáculo segue para os palcos de São Paulo e Rio de Janeiro, encerrando a temporada patrocinada pelo Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Cultura do DF, em maio, em Ceilândia (DF).

Poemas e contos da escritora goiana são o fio condutor da montagem

Acessibilidade

A peça contará com tradução em Libras e audiodescrição, permitindo que cegos e deficientes visuais possam participar. Para dar um toque todo especial, os doces - que são normalmente servidos à plateia nas apresentações – em São Luís ficarão sob a responsabilidade do chef maranhense Thiago Brito, da Casa d'Arte – Centro de Cultura, que é um dos apoiadores do evento.

O espetáculo conta com ingressos pagos nas outras cidades da circulação, com exceção de São Luís, onde as sessões serão gratuitas, como uma forma de homenagear o dia 27 de março, Dia Internacional do Teatro.

Serviço

O quê

"Cora Dentro de Mim - Plantando Roseiras & Fazendo Doces"

Onde

Teatro Ferreira Gullar (Centro – Imperatriz) e Cine Teatro da Cidade (Centro- São Luís)

Quando

Quarta, 22 e quinta, 23, às 20h; e sábado, 25, às 20h e domingo, 26, às 19h, respectivamente

Ingressos

R$ 10,00 em Imperatriz e com entrada gratuita em São Luís

Galeria de fotos

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte