Polícia | Saidinha

Ladrões tomam R$ 20 mil de um cliente de banco

Um dos ladrões foi detido e espancado por populares até a chegada da polícia que evitou a morte do assaltante; eles foram encaminhados à DRF
Ismael Araujo10/03/2017 às 21h44
Bruno Carlos Silva foi espancado.

SÃO LUÍS – A polícia apreendeu três pessoas envolvidas em uma saidinha bancária, realizada na tarde de hoje, no bairro do Turu. Um dos suspeitos, Bruno Carlos Silva, de 25 anos, foi espancado por populares até a chegada de uma guarnição da PM, que evitou a morte do bandido. Na ação, os assaltantes levaram R$ 20 mil reais da vítima.

Os outros dois suspeitos, Carlos Magno Costa Cutrim, de 44 anos e Alene da Silva dos Santos, de 24, foram presos e encaminhados à Delegacia de Roubos e Furtos.

O delegado Marcone Matos, da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), declarou que a dupla participou da ação criminosa. Um deles abordou a vítima nas proximidades do ban­co, enquanto o outro ficou com a motocicleta Honda preta, de placa NMT-1508, ligada, aguardando a conclusão do assalto.

Alene da Silva dos Santos e Carlos Magno Costa Cutrim.

No momento em que os bandidos tentavam fugir, uma pessoa não identificada atirou contra eles. Populares também se mobilizaram e conseguiram deter Bruno Silva que foi espancado. O outro bandido, Carlos Magno, to­mou de assalto uma caminhonete S-10 que passava pelo local e fugiu.

Policiais militares foram acionados e prenderam Bruno Silva, evitando que ele fosse linchado pela população. A motocicleta utilizada pela dupla foi apreendida. Bruno Carlos primeiramente foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araçagi e, depois, apresentado na DRF, na Vila Palmeira.

A caminhonete S-10 já foi recuperada pela polícia.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte