Geral | Melhorias

Lançado edital para licitação de serviços no Parque dos Lençóis

Chamamento público tem como finalidade realização de estudos de viabilidade técnica, econômica e financeira para subsidiar serviços
17/01/2017 às 11h05
Lançado edital para licitação de serviços no Parque dos Lençóis

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, a Chapada dos Guimarães (MT) e a Serra da Bodoquena (MS) são as três unidades de conservação (UCs) contempladas nos editais de chamamento público. As publicações têm como finalidade a autorização de estudos de viabilidade técnica, econômica e financeira para subsidiar propostas de delegação de serviços a serem licitados pela administração pública nas UCs.

Os editais foram publicados pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), vinculado ao Ministério do Meio Ambiente. Podem participar do Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) pessoas físicas ou jurídicas de direito privado, e os interessados terão 30 dias para apresentar a documentação exigida no edital. Após esse prazo, o ICMBio terá 15 dias para divulgar os autorizados a realizarem os estudos de viabilidade.

Os candidatos podem, ainda, participar dos três editais concomitantemente. Os processos de chamamento público são conduzidos pela Coordenação Geral de Uso Público e Negócios (CGEUP/ICMBio) e o prazo para realização dos estudos é de 90 dias, contados a partir da publicação da portaria de autorização.

As atividades não são remuneradas neste primeiro momento: o candidato deverá indicar o valor de ressarcimento desejado pelos estudos de viabilidade. Se for selecionado e caso a administração lance o edital de licitação, o vencedor da licitação terá que custear os estudos. Não há, contudo, prazo ou obrigatoriedade para o lançamento dos editais de delegação de serviços nas UCs.

O edital de PMI para o Parque dos Lençóis Maranhenses pode ser acessado aqui.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte