Cidades | Trânsito

Cai número de mortes e acidentes em estradas federais no Maranhão

No trecho da BR-135 que passa por São Luís, quantidade de ocorrências teve redução de 37%, enquanto o número de mortes caiu 67%; em todo o Maranhão, diminuição foi de 26% e 30%, respectivamente
02/12/2016
Cai número de mortes e acidentes em estradas federais no MaranhãoPRF reforça fiscalização para garantir redução no número de acidentes nas BRs (Flora Dolores / O ESTADO)

O número de mortes em acidentes de trânsito nas estradas federais que cortam o Maranhão diminuiu. É o que mostra um relatório divulgado ontem pela Superintendência Regional da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A redução também é observada no trecho principal da BR-135 que passa por São Luís.
De acordo com os dados da PRF, de janeiro a novembro do ano passado, no trecho principal da rodovia que passa pela capital maranhense (do Km 0 ao 24) foram registrados 325 acidentes de trânsito. Este ano, nesse mesmo período, esse quantitativo diminuiu para 204 ocorrências, o que representa uma redução de 37%.

Os dados da PRF mostram que também a quantidade de mortes também diminuiu. No ano passado, nesse mesmo período, nove pessoas que perderam a vida em acidentes de trânsito, enquanto este ano foram três, uma redução de 67%.

Maranhão
Em todo o Maranhão, a quantidade de ocorrências negativas nas sete rodovias federais que cortam o Maranhão (BRs010, 135, 222, 226, 230, 316 e 402) também diminuiu. Os acidentes de trânsito passaram de 1.865, de janeiro a novembro do ano passado, para 1.371 no mesmo período, este ano, o que representa uma diminuição de 26%.

Os dados da PRF do Maranhão mostram também que a quantidade de mortos nesses acidentes também reduziu nesse período. Passou de 270 para 189, o que representa uma redução de aproximadamente 30% nessas ocorrências.

Ao analisar os casos isolados das rodovias federais, observa-se que, este ano, a BR-135 é a via federal que mais registra acidentes de trânsito, com total de 391 ocorrências. Já a BR-316 é a que contabiliza a maior quantidade de mortes em acidentes, com 52 casos.

Para reduzir ainda mais essas ocorrências, a PRF vai reforçar a fiscalização nas estradas federais neste mês de dezembro, que é o de férias e por isso a tendência é de que aumente o fluxo de veículos nas estradas do estado.

“O policiamento começa a atuar mais firmemente nesse início de dezembro. À proporção que o período de férias se define, a PRF vai aumentar a presença nos locais estratégicos”, explicou o inspetor da PRF Antônio Noberto.

Ele pontuou também que as ações de fiscalização fazem parte da Operação Rodovida, que começa no dia 15 deste mês e vai até o dia 31 de janeiro de 2017. Depois disso, a operação é suspensa para avaliações e recomeça no dia 17 de fevereiro se prolongando até o início de março.

Números

Acidentes registrados nas estradas federais do Maranhão este ano (Fonte: PRF)
BR-010: 352 acidentes
BR-135: 391 acidentes
BR-222: 193 acidentes
BR-226: 25 acidentes
BR-230: 101 acidentes
BR-316: 296 acidentes
BR-402: 16 acidentes

Mortes registradas nas estradas federais do Maranhão este ano (Fonte: PRF)
BR-010: 33 mortes
BR-135: 45 mortes
BR-222: 35 mortes
BR-226: 6 mortes
BR-230: 16 mortes
BR-316: 52 mortes
BR-402: 2 mortes

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte