Alternativo | Comentário

Justiça seja feita: série de TV foge do lugar comum

Com texto de Manuela Dias, autora que também assinou “Ligações Perigosas”, a série "Justiça" acertou por por ter tirado o foco do eixo Sul-Sudeste e por ter fugido do lugar comum
Ney Farias Cardoso / Da equipe de O Estado27/09/2016

Faz tempo que cheguei à seguinte conclusão: se a Rede Globo muitas vezes fica sem saber o que fazer com suas novelas – como aconteceu com o final meio atropelado de “Liberdade, Liberdade” por causa das Olimpíadas –, em matéria de obras de fôlego mais curto ela mostra um grau de excelência que as concorrentes jamais conseguirão igualar, por mais que recorram a episódios bíblicos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte