Cidades | Manifestação

Com peixes mortos, pescadores fecham BR no Bacanga

Há mais de um ano a comporta da barragem caiu; com peixes morrendo sem oxigênio, quem vive da pesca fez um protesto
20/08/2016

Desde o começo da semana, milhares de peixes morreram nas águas do Rio Bacanga, e na manhã de sexta-feira, 19, amanheceram mais deles boiando na superfície. Revoltados, pescadores e moradores da região recolheram a maior quantidade que puderam e fecharam um trecho da avenida com eles. A medida visava chamar a atenção dos governantes para a situação. No fim da tarde de quinta-feira, 18, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), havia declarado que as obras da Barragem do Bacanga, na Avenida dos Portugueses, em São Luís, finalmente teriam continuidade, o que não impediu a manifestação dos pescadores.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte