Geral | Tradição

Alcântara é movimentada pela Festa do Divino Espírito Santo

Tradicional festejo acontece na cidade de Alcântara até o dia 16; hoje, a festa prosseguirá pela cidade, com o Levantamento do Mastro.
06/05/2016

O segundo dia da programação da Festa do Divino Espírito Santo, ontem em Alcântara – a 18 quilômetros da capital maranhense, por mar – foi marcado por diversos atos. De acordo com a coordenação das atividades, o evento acontecerá até o dia 16 deste mês.

Pela manhã, foi realizada uma missa na Igreja de Nossa Senhora do Carmo. Em seguida, houve a coroação da imperatriz deste ano, Rita de Cássia Fonseca Lobato. À tarde, aconteceu o cortejo pelas ruas da sede. Durante o rito, ocorreu a simbólica prisão dos mordomos do Império. Na madrugada de ontem, aconteceu a Alvorada das Caixeiras no mastro do Império. Hoje, 6, a festa prosseguirá pela cidade, com o Levantamento do Mastro.

O coordenador da Festa do Divino na cidade, Moacir Amorim, explicou que o simbolismo de cada item que compõe o palácio. De acordo com ele, a fé move os integrantes da corte imperial do Divino Espírito Santo. "A felicidade que eles têm de participar da festa fazendo doce, fazendo licor, e a fé que tem com o Divino Espírito”, explicou.

Sobre a festa - O Culto ao Divino Espírito Santo, difundido em vários estados do Brasil, é um ritual do catolicismo popular, considerado por seus devotos como um ritual cristão, por celebrar o Divino Espírito Santo, uma das três pessoas da Trindade Divina - Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo.

No Maranhão, o Divino é celebrado principalmente em terreiros de tambor de mina, candomblé e umbanda. Normalmente, é cultuado por pessoas de origem afro-descendentes.

Galeria de fotos

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte