Alternativo | Arte

Elas fazem arte

Projeto “Eita Piquena Arteira” movimenta a Praia Grande hoje, às 20h, com apresentações musicais, teatro, exposição fotográfica e discotecagem de DJs
18/03/2016
Elas fazem arteProjeto reúne várias expressões artísticas (Divulgação)

SÃO LUÍS - Movimento que agrega diversas formas de arte e dinamiza a programação cultural na Praia Grande, de forma itinerante, incentivando a adoção de espaços alternativos para a criatividade dos artistas locais, o projeto “Eita Piquena Arteira” retorna à cena hoje, às 20h, na Rua de Nazaré, comemorando sua sétima edição. Com o tema “Só mulher de responsa”, a festa-movimento é uma realização do grupo Afrôs e da Organização Não Governamental Nave, que em 2010 sentiram a necessidade de homenagear a mulher, lembrando a história do feminino, marcada por conquistas sociais, políticas e econômicas, e também pela discriminação e violência a que muitas delas ainda são submetidas em todo o planeta.

A programação do evento constará de shows do grupo Afrôs e de Núbia Rodrigues, performances com Xama Teatro, Maria Zeferina e exibição de filmes com Nayra Albuquerque. Está prevista ainda uma exposição fotográfica assinada por Cláudia Marreiros, discotecagem com o DJ Pedro Sobrinho e a dupla Criolina, formada pelos cantores Alê Muniz e Luciana Simões.

Segundo Fernanda Preta, da coordenação do evento, trata-se de um festival de artes integradas, onde se observam todas as linguagens artísticas, com enfoque em mulheres que se destacam nas artes locais, entre cantoras, atrizes, artistas plásticas, fotógrafas, entre outras. “As meninas do Xama Teatro, por exemplo, estão em uma ótima fase artística. Tanto que se preparam para apresentações em 50 cidades este ano”, destacou Fernanda Preta.

De acordo com Fernanda, há ainda Núbia Rodrigues, cantora de reggae, o grupo Ninfas Equatoriais, que desponta como novidade, liderado por Jane Maciel, entre diversas outras expressões lideradas por mulheres. “O projeto surgiu porque somos mulheres de todos os tipos. A festa-movimento nasceu e arregimentou diversas mulheres e homens que se incomodavam com toda forma de preconceito”, comentou Cris Campos, cantora do Grupo Afrôs.

Prévia

Fernanda Preta informou que a programação de hoje, no entanto, é uma prévia, um “pocket” do evento propriamente dito, que acontecerá no mês de outubro, em um trecho da Praia Grande a ser divulgado ainda. “O evento de hoje é uma espécie de esquenta, mas não menos importante do que o que vai acontecer em outubro, também agregando diversos artistas ocupando um espaço público da Praia Grande, mantendo as características originais da iniciativa”, frisou.

Conforme a artista, além do caráter de luta pela causa feminina, o movimento também denota a militância da classe artística de São Luís para as questões referentes à arte como trabalho, meio de vida, ressaltando uma produção que avança diariamente com trabalhos e projetos inovadores, mas que sente a necessidade do apoio do empresariado e o poder público para sua realização.


Serviço

O que

Eita Piquena Arteira

Quando

Hoje, às 20h

Onde

Rua de Nazaré (Praia Grande)

Entrada franca

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte