São Luís

Vídeo mostra momento em que passageiros são resgatados após naufrágio de catamarã

Capitania dos Portos do Maranhão acredita que a embarcação que faria a travessia de São Luís até Alcântara estava superlotada
20/11/2015 às 17h08

SÃO LUÍS - A Capitania dos Portos do Maranhão já começou a investigar as causas do naufrágio de um catamarã na manhã desta sexta-feira (20). A embarcação estava fazendo a travessia de passageiros de São Luís para Alcântara, distante 18 km (linha reta) da capital maranhense.

De acordo com o Capitão de Mar e Guerra Marcos Tadashi Hamaoka, a capitania está colhendo depoimento dos passageiros para ajudar no inquérito administrativo. A principal suspeita, por enquanto, é de que a embarcação, a Carcará, estava superlotada.

Segundo relatos, mais de 40 pessoas estavam no catamarã no momento em que ele naufragou. A capacidade dele, porém, é de 33 passageiros, segundo a Capitania dos Portos.

Marcos Tadashi Hamaoka disse, ainda, que as fiscalizações são feitas periodicamente. Durante os dias de semana, a inspeção é feita sem prévio aviso e, aos fins de semana, a fiscalização é feita de acordo com os horários de embarque e desembarque.

O inquérito, após concluído, será enviado ao tribunal marítimo no Rio de Janeiro e as penalidades serão aplicadas pela corte.

Assista ao vídeo do momento em que os passageiros são resgatados do mar:

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte