Caged

Campestre do Maranhão avança duas posições no ranking nacional de geração de emprego formal

Município maranhense passou da 23ª para 21ª colocação ao ter criado 1.549 postos de trabalho com carteira assinada no primeiro semestre deste ano; cidade mantém-se líder no estado
07/08/2015

O município de Campestre do Maranhão voltou a se destacar no país como geradora de emprego formal. De acordo com os últimos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), a cidade, que é a 1ª no ranking maranhense, avançou duas posições no país, passando da 23ª para a 21ª colocação com 1.549 postos de trabalho criados no primeiro semestre deste ano.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte