Eleições 2022

MDB tem tarde de filiações com forte adesão de mulheres

Mais de 50 pessoas se filiaram à legenda da ex-governadora Roseana Sarney; 90% das fichas de filiação é de mulheres.

Imirante

- Atualizada em 27/03/2022 às 15h33
Roseana destacou em seu perfil em rede social a filiação da enfermeira Kelly dos Santos
Roseana destacou em seu perfil em rede social a filiação da enfermeira Kelly dos Santos (Divulgação)

SÃO LUÍS - A tarde desta quinta-feira (24) foi marcada pela filiação de mais de 50 pessoas ao MDB, na sua maioria, mulheres, (cerca de 90%).

O ato contou com a presença da ex-governadora e presidente do partido, Roseana Sarney, com a participação do deputado e vice-presidente do MDB Roberto Costa, dos deputados federais Hildo Rocha e João Marcelo, da presidente estadual do MDB Mulher, Olga Simão, e convidados.

Segundo Olga, presidente estadual do MDB Mulher: “mulheres representam a maioria da população e a sua inserção na política vem ganhando cada vez mais notoriedade. É um momento de grande alegria receber essa quantidade de mulheres em nosso partido, pois é fruto de um trabalho de reestruturação no núcleo de mulheres para o fortalecimento do empoderamento feminino na política."

Dentre os filiados, está a enfermeira Kelly Inaiane, que é também técnica de enfermagem, especialista em gestão de serviços de saúde, ex-secretária de Saúde Porto Rico do MA e atual tesoureira do Conselho Regional de Enfermagem do MA (Coren/MA).

O convite foi feito de forma oficial pelo presidente nacional do partido, o deputado federal Baleia Rossi, na Câmara Federal, em Brasília, ocasião marcada também pela aprovação do requerimento de urgência para apreciação do PL 2564/2020, que estabelece o piso salarial para os enfermeiros.

Kelly tem o foco na enfermagem no geral e demonstra sua felicidade pelo convite feito e afirma ser “um momento muito favorável, uma vez que a profissão merece todo o respeito e reconhecimento"

Roseana, grande apoiadora e incentivadora das mulheres na política, afirma ser “um dia muito importante para o MDB. Mais uma grande liderança feminina que vem juntar-se a tantas outras em nosso partido. Fui a primeira mulher eleita governadora no Brasil, fui deputada federal e senadora, sei da importante da participação efetiva das mulheres no centro das decisões políticas. Não estamos para sermos coadjuvantes, mas protagonistas”- diz a ex-governadora.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.