Homicídios

Violência na Grande São Luís deixa cinco mortos; quarteto em duas motos causa pânico durante a noite

Um quinto homicídio foi praticado por um trio em um carro de passeio; casos foram registrados nessa terça (8).

Imirante.com

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h23
Crimes foram praticados por arma de fogo.
Crimes foram praticados por arma de fogo. (Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS – Quatro homicídios por arma de fogo, com características semelhantes, foram registrados na noite dessa terça-feira (8) em São Luís e na região metropolitana. Em todos estes casos os autores eram um quarteto dividido em duas motos. Um quinto homicídio foi praticado por um trio em um carro de passeio.

Por volta das 22h26 foi relatado um caso na rua Primavera, no bairro Vila Luizão, na capital. Por lá, três pessoas foram baleadas. João Vitor Soares da Cruz, de 20 anos, morreu no local após tomar dois tiros – um no abdômen e outro na cabeça. Os quatro criminosos, não identificados, chegaram em duas motos e efetuaram os tiros. Uma segunda vítima foi baleada no rosto e no ombro, tendo sido ainda ontem internada em estado grave no Hospital Municipal Clementino Moura (Socorrão II). A terceira vítima, que teve uma lesão na mão, foi orientada a buscar atendimento no Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I).

Já por volta das 22h40, outros dois casos de homicídios foram registrados no Parque Jair, em São José de Ribamar. O primeiro na rua Abdenago Ferreira, onde quatro em duas motos mataram Gleydson Marley Ferreira, de 31 anos. Ele foi encontrado sem vida em via pública com perfurações pelo corpo, provocadas por arma de fogo. Em torno desse horário, na avenida Principal do bairro, outro homem, identificado como Joelson Maycon Santos, de 30 anos, foi morto a tiros também por um quarteto em duas motos.

Mais tarde, em torno de 23h, na rua dos Índios, no Cruzeiro do Anil, quatro criminosos em duas motos dispararam tiros contra Marcos Vinicius Costa Lopes, de 37 anos. Ele morreu após ter sido atingido no pescoço e no peito.

O quinto caso se diferencia um poupo dos demais, pois foi praticado por três bandidos em um carro Gol preto, de placa não identicada. Este crime aconteceu por volta das 20h na avenida Principal da Vila São Sebastião, na região do Coroadinho. Jailson dos Santos Pereira foi morto com um tiro no abdômen e outro no tórax. Ele e outro homem realizavam um serviço de limpeza de uma fossa quando foram surpreendidos pelos criminosos. As vítimas foram socorridas para a Unidade Mista do Coroadinho e, em seguida, para o Socorrão I. Jailson não resistiu e o outro homem foi levado ao centro cirúrgico. Não há informações sobre o estado de saúde dele.

Por meio de nota, A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) informou que "os casos de homicídios estão sendo investigados pela Superintendência Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP), que coletará informações nos próximos dias de testemunhas e familiares das vítimas".

Já a Polícia Militar do Maranhão (PMMA) disse que "trabalha em conjunto com a Polícia Civil para identificar as autorias e ressalta que vai reforçar o policiamento ostensivo nos bairros onde ocorreram os homicídios".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.