Procon

Material escolar: veja a lista completa da pesquisa de preços

No levantamento, o órgão encontrou uma variação de preços de até 394,95%.

Imirante.com, com informações do Procon-MA

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h09
Os produtos listados são referentes a preços unitários.
Os produtos listados são referentes a preços unitários. ( Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS - Férias chegando ao fim, e para auxiliar os pais ou responsáveis na compra do material escolar, o Procon-MA realizou uma pesquisa comparativa de preços de 272 itens, em 6 fornecedores, entre os dias 2 e 10 de janeiro. No levantamento, o órgão encontrou uma variação de preços de até 394,95%.

Os produtos listados são referentes a preços unitários, porém alguns fornecedores os comercializam em embalagens do tipo blister, com duas ou mais unidades, podendo haver variação no preço final do kit.

Clique aqui para conferir a lista completa.

Fique atento

O Procon nacional veta que as unidades de ensino insiram produtos de limpeza e higiene, administrativos e remédios nas listas escolares. Também não é permitido a indicação para que os pais comprem produtos de uma determinada marca ou de um local específico onde devem ser adquiridos os itens.

Proibidos na lista:

- Álcool;
- Algodão;
- Sabonetes;
- Papel Higiênico;
- Papel Ofício;
- Grampeador;
- Piloto de lousa;
- Pratos descartáveis;
- Detergente;
- Outros.

Materiais permitidos:

A instituição deve solicitar apenas os itens que serão usados durante o período escolar. A lista é diferenciada pelo grupo de idade dos alunos. Para o maternal, por exemplo, podem ser indicados:

- Massa de modelar;
- Pincel;
- Tubo de cola;
- Lápis de cor;
- Livro de desenho;
- Outros.

Para os alunos maiores, a escola pode solicitar:

- Lápis;
- Caneta;
- Apontador;
- Tesoura sem ponta;
- Tinta guache;
- Pincel
- Revistas para recorte;
- Algum livro de história infantil específico.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.