Tragédia

Mais de 200 pessoas morrem após queda de avião russo

O grupo terrorista Estado Islâmico, por meio de uma rede social, afirmou ser o responsável pela queda do avião.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h38
(Foto: Reprodução)

Mais de 200 pessoas morreram, na manhã deste sábado (31), após a queda de um Airbus-A321 de linhas aéreas russas. O avião saiu de Sharm el Sheikh com destino a São Petesburgo e desapareceu dos radares após 23 minutos de decolagem.

Um representante do governo egípcio disse que o avião russo ficou completamente destruído e que não há sobreviventes. Até o momento, cerca de cem corpos foram encontrados nos destroços.

O grupo terrorista Estado Islâmico, por meio de uma rede social, afirmou ser o responsável pela queda do avião. Autoridades do país ainda estão investigando o caso.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.