Golpe

Homem que usava foto de criança para pedir dinheiro em vários Estados é preso no Maranhão

A prisão do investigado foi divulgada nessa quinta-feira (13).

Imirante.com

- Atualizada em 14/10/2022 às 11h30
O golpe era praticado em diversos Estados.
O golpe era praticado em diversos Estados. (Prisão)

MARANHÃO - Um homem foi preso após ser investigado por usar a imagem de uma criança para conseguir transferências bancárias alegando que seria para a realização de um procedimento cirúrgico.

A investigação foi conduzida pelo Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri), com o apoio da Divisão de Inteligência (Dipol) e a Polícia Militar do Maranhão.

O golpe era praticado em diversos Estados e a prisão do investigado foi divulgada nessa quinta-feira (13). A delegada Suirá Paim afirmou que a investigação pela Polícia Civil de Sergipe foi iniciada em 2020.

“Durante as investigações, constatamos que o suspeito utilizava uma criança para veicular campanhas em todo o país para solicitar fundos para um suposto tratamento de saúde do menino. Constatamos também que ele informava que o tratamento ocorreria em diversos estados, mas os médicos negaram”, revelou.

E de acordo com a delegada Lauana Guedes, a investigação verificou que o suspeito praticava o crime desde o ano de 2010, em diversos estados do país. “Ele utilizava contas bancárias de terceiros para o recebimento dos valores oriundos do golpe. E constatamos que a criança não foi submetida a tratamento médico e que não existia cirurgia agendada em hospital indicado por ele”, detalhou.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.