Resumo da semana

Confira os destaques da área policial no MA entre os dias 23 a 27 de maio

Uma das ocorrências foi a prisão de Marcelo Sousa, que segundo a polícia, é suspeito de ter assassinado a própria companheira, Euziane da Silva, de 25 anos, em Vargem Grande.

Imirante.com

Ocorreram vários crimes no Maranhão. Morte de motociclista na Estrada de Ribamar.
Ocorreram vários crimes no Maranhão. Morte de motociclista na Estrada de Ribamar. (Foto: André Nadler)

MARANHÃO - A polícia registrou várias ocorrências no Maranhão. Um dos registros foi a prisão de Marcelo Sousa. De acordo com a polícia, ele é suspeito de ter assassinado com mais de 10 golpes de facão a própria esposa, identificada como Euziane Conceição da Silva, de 25 anos. O crime ocorreu na frente dos filhos do casal, que são menores de idade, no povoado Boi Manso, zona rural de Vargem Grande.

Também houve a prisão do suspeito de ter roubado e matado a tiros o empresário Elker Sousa, na cidade de Barra do Corda. Uma perseguição policial resulta em tiros em plena via pública na capital maranhense. Veja o resumo da semana: 

 

Segunda-feira, 23 de maio

Dentista sofre tentativa de latrocínio no interior do Maranhão; suspeito foi preso pela polícia: Osvaldo Alves de Almeida, de 52 anos, foi golpeado no pescoço durante um assalto, na zona rural de Nina Rodrigues e, de acordo com a polícia, o suspeito, identificado como Gabriel Santos Alves, de 18 anos, foi preso em flagrante.

Motociclista morre após colidir de frente com caminhão na Estrada de Ribamar: Claudemir Frazão Amorim estava conduzindo uma motocicleta Biz preta, de placa não identificada, e colidiu de forma frontal com um caminhão, na MA-201, nas proximidades do São José dos Índios.


Terça-feira, 24 de maio

Justiça do Piauí adia pela 3ª vez o julgamento do ex-policial militar do Maranhão: Francisco dos Santos Filho é suspeito de ter assassinado a tiros o cabo da Polícia Militar do Piauí, Samuel de Sousa Borges. O crime ocorreu na frente do filho da vítima, no dia 1º de fevereiro de 2019, na capital piauiense.

Preso o quarto suspeito do sequestro da estudante de Direito: a prisão ocorreu por determinação do judicial e o detido foi localizado na área rural de São Luís. Os suspeitos ameaçaram atear fogo no corpo da vítima e o caso é investigado pela Seic.

Preso um dos suspeitos do envolvimento da morte do empresário em Barra do Corda: foi preso Victor Hugo Tavares Santos, de 31 anos, que é natural do Amazonas. O empresário Elker Sousa, de 41 anos, foi abordado pelos criminosos na porta de sua residência e morto a tiros. 


Quarta-feira, 25 de maio

Suspeito de matar a esposa de facão é preso em Vargem Grande: foi preso Marcelo Sousa suspeito de ter matado a própria companheira, identificada como Euziane Conceição da Silva, de 25 anos, no povoado Boi Manso, zona rural de Vargem Grande. O crime ocorreu na frente dos filhos do casal.

Homem é preso suspeito de desferir pauladas de cabo de vassoura na própria prima: a polícia prendeu o homem, identificado como Marco, suspeito de agredir fisicamente a própria prima. A vítima apresentava várias lesões pelo corpo.


Quinta-feira, 26 de maio

Perseguição policial para conter roubo de veículos resulta em tiros na capital: o condutor de uma caminhonete preta ao presenciar a equipe da DRFV empreendeu fuga. Houve perseguição policial e troca de tiros, mas, ninguém ficou ferido.

Terra indígena no Maranhão é alvo de operação da PF: os policiais federais, com apoio do IBAMA, ICMBio e da Polícia Ambiental, realizaram a operação Nemestrino com o objetivo de combater crimes ambientais no território indígena.

Cerco policial desarticula organização criminosa chefiada por interno de Pedrinhas: um presidiário era suspeito de comandar faccionados que estão fora da cadeia a realizar roubos e comercializar droga. Dentro do presídio, os policiais apreenderam seis celulares.


Sexta-feira, 27 de maio

Preso homem suspeito de participação de roubo de R$ 350 mil de joias de uma joalheria de São Luís: a prisão ocorreu na Grande Ilha e foi por determinação judicial. O detido também é suspeito de ter cometido outros roubos na Grande Ilha.

Servidor público da área de educação é preso suspeito de estuprar criança, em Paço do Lumiar: a prisão foi em cumprimento de ordem judicial e ocorreu no Maiobão. O detido foi levado para a DPCA, na Beira-Mar.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.