Abandonados

ONG faz campanha para castrar animais do lixão de Imperatriz

Cerca de 50 animais estão abandonados no lixão.

Tátyna Viana/Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h03
Campanha é voltada a animais que vivem em situação de vulnerabilidade no lixão. Foto: Divulgação.
Campanha é voltada a animais que vivem em situação de vulnerabilidade no lixão. Foto: Divulgação.

IMPERATRIZ - “Quem acredita que os animais não são capazes de falar, ainda não aprendeu a reconhecer um olhar. Com os olhos, eles nos dizem tudo e esse olhar pede socorro”. A fala de uma das representantes da ONG GPAI, Grupo de Apoio e Proteção aos Animais de Imperatriz, também virou slogan da campanha que começou nas redes sociais para a castração de animais que vivem em situação de vulnerabilidade no lixão de Imperatriz.

Leia mais:

Cão é resgatado por pescadores em lago de Santo Amaro após sair em busca da crush

De acordo com a ONG, em visita ao local foram constateis aproximadamente 50 animais abandonados à própria sorte no lixão. A presidente acredita que a castração seja a melhor forma de evitar a procriação e que outras centenas de animais tenham o mesmo destino.

“A ONG não tem um abrigo, por isso a gente faz esse trabalho. Mas o abrigo Recanto dos Peludos já nos sinalizou que vai acolher os animais enquanto eles se recuperam da castração e alguns também ficarão à disposição para doação”, disse Sônia Maria, presidente da ONG.

Projeto tem a parceria de clínicas veterinárias que vão fazer castração. Foto: Divulgação.
Projeto tem a parceria de clínicas veterinárias que vão fazer castração. Foto: Divulgação.

A campanha tem a parceria de clínicas veterinárias que vão fazer o procedimento mas há os custos com medicação e despesas de transporte, além de alimentação. Por isso eles estão se mobilizando com uma “vaquinha” on-line nas redes sociais em busca de doações. Mais informações sobre a campanha podem ser obtidas pelo telefone da ONG (99) 98464-9079.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.