Alta periculosidade

Homem assassinado no Nova Imperatriz tem várias passagens pela polícia

Adriel Lima da Silva foi morto com cinco tiros na noite dessa quinta-feira.

Imirante Imperatriz

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h25
A ultima vez que Adriel tinha sido preso foi no final de fevereiro, após ter participado do assalto á uma Joalheria no setor do Mercadinho.
A ultima vez que Adriel tinha sido preso foi no final de fevereiro, após ter participado do assalto á uma Joalheria no setor do Mercadinho. (Divulgação /Polícia Militar)

IMPERATRIZ – Adriel Lima da Silva, 20 anos, que foi assassinada na noite dessa quinta-feira (2), no bairro Nova Imperatriz, tem várias passagens polícia, por roubo e tráfico de drogas e tentativa de homicídio.

De acordo com informações de delegado regional, Eduardo Galvão, o jovem foi morto por dois homens que não fugiram sem deixar pistas. Os suspeitos estavam num carro, segundo informou ao delegado uma tia de Adriel Lima. Ele ainda foi socorrido, mas morreu ao dá entrada do Hospital Municipal de Imperatriz (HMI).

“A vítima tinha inúmeras passagens pela polícia. Ele é acusado de vários crimes, tráfico, roubo de uma maneira geral, é acusado de ter roubado a arma de um policial civil no Estado do Tocantins, e é acusado durante um assalto no Mercadinho de ter disparado vários tiros contra um joalheiro”, informou o delegado, enfatizando que Adriel era de alta periculosidade.

A ultima vez que Adriel tinha sido preso foi no final de fevereiro, após ter participado um assalto à uma joalheria no setor do Mercadinho. Ainda de acordo com informações do delegado, o caso foi registrado na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e já está sendo investigado. Pelas características do crime, pode ter ocorrido um acerto de contas.

Com este assassinato chega a 11 este o número de homicídios em 2017 o primeiro no mês de março.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.