Combate ao Aedes aegypti

Força-tarefa já visitou mais de 30 mil casas,em Imperatriz

Cada agente de endemia visita, em média, 70 pontos por dia.

Imirante Imperatriz, com informações da Assessoria.

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h35
Cada agente de endemia visita, em média, 70 pontos por dia.
Cada agente de endemia visita, em média, 70 pontos por dia. (Divulgação / Assessoria )

IMPERATRIZ – São 400 militares e 150 agentes de endemias que estão nas ruas de Imperatriz desde o último sábado visitando casas e orientando a população sobre como eliminar os focos de criadouro do mosquito Aedes aegypti. Em três dias, mais de 30 mil residências já foram visitadas.

Com o apoio do exército, cada agente de endemia, na companhia de um militar, visita, em média, 70 pontos por dia reforçando as ações de combate. A operação contra mosquito ocorre diariamente nos principais pontos da cidade, mapeados pela Secretaria Municipal de Saúde, como áreas de risco. Além do Exército, a Marinha do Brasil e a Força Aérea participam da operação.

Segundo o coordenador de vetores, José Ribamar, os bairros que estão sendo visitados nessa operação são os que surgem nos relatórios como áreas de maior incidência de casos das doenças e, também, de infestação do mosquito. “Esse é um trabalho complementar, por isso estamos seguindo as orientações do mapeamento feito, levando em consideração as áreas prioritárias”, explica.

A Secretaria de Saúde pede que a comunidade ajude a eliminar os focos e abra as portas das casas para realização da missão dos agentes de endemia.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.