Empregos temporários

Oito em cada dez lojistas querem contratar funcionários nos próximos meses em São Luís

De acordo com a Confederação Nacional do Comércio, cerca de 15% das vagas começam a ser preenchidas em setembro e outubro.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h01
Mais de 80% das empresas do comércio vão ampliar o seu quadro de funcionários.
Mais de 80% das empresas do comércio vão ampliar o seu quadro de funcionários. (Foto: Paulo Soares/O Estado)

SÃO LUÍS - Se você aguarda por uma vaga de trabalho neste fim de ano, fique atento porque oito em cada dez lojistas pretendem contratar funcionários temporários para trabalhar até dezembro em São Luís. O comércio deve contratar 10% a mais que no ano de 2020.

De acordo com a Confederação Nacional do Comércio, cerca de 15% das vagas começam a ser preenchidas em setembro e outubro. O setor de vestuário é o que mais contrata. A taxa de trabalhadores efetivados após o fim do ano pode aumentar de 15 para 27%. O otimismo está relacionado ao avanço da vacinação, que tem reduzido os casos de Covid-19 no Maranhão.

Segundo o superintendente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (Fecomércio-MA), Max de Medeiros, mais de 80% das empresas vão ampliar o seu quadro de funcionários neste período de fim de ano. “85% das empresas do comércio de São Luís indicaram que devem ampliar seus quadros de funcionários nos próximos meses”, informou.

A expectativa de aumento de 3,4%, que se deve à queda nos números da pandemia e o avanço da vacinação.

Segundo o diretor da Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL), José Terceiro, outro fator que deve impactar de forma positiva nas vendas é o pagamento do 13º salário aos trabalhadores. "Nós acreditamos que com a injeção do 13º salário o comércio, realmente, vai ter um crescimento bem aceitável em relação aos anos anteriores”, explicou.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.