água e sabão

Dia Mundial da Lavagem das Mãos: atitude pode salvar vidas

Segundo o Unicef, até 41% das mortes de recém-nascidos podem ser evitadas pelo simples ato de higienizar as mãos.

Imirante.com, com informações da Agência Brasil

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h10
( Foto: Divulgação)

BRASÍLIA - Nesta terça-feira, dia 15 de outubro, é comemorado o Dia Mundial da Lavagem das Mãos.

A data é lembrada desde 2008 e tem como objetivo conscientizar a população para a importância de lavar as mãos adequadamente com água e sabão e, assim, diminuir a transmissão de doenças e até infecções mais graves que podem levar à morte.
De acordo com o Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef), até 41% das mortes de recém-nascidos podem ser evitadas pelo simples ato de higienizar as mãos.

Ainda segundo a Unicef, cerca de 5 mil crianças morrem devido à diarreia e desidratação. Metade dos óbitos poderia ser evitada, caso houvesse o hábito de lavar as mãos ao longo do dia.

A enfermeira Luciana Segatto, do Centro de Tratamento de Pessoas Lesionadas por Feridas Crônicas ou Agudas, falou sobre a forma certa de lavar as mãos.

Sonora: "A forma correta de lavar as mãos é molhar as mãos com água e colocar um pouco de sabão, se possível líquido, na palma das mãos, o suficiente para cobrir a superfície. Ensaboe as mãos esfregando-as entre si, esfregue o dorso das mãos e sob as unhas também. Basta fechar a mão, coloca a unha na palma da mão e esfrega por baixo, inclusive. Depois, enxagua e basta enxugar numa toalha limpa ou absorvente."

Ela explicou que somente passar álcool nas mãos ou usar luvas não resolve o problema.

Sonora: "O álcool não substitui a lavagem das mãos. Ele é coadjuvante. Na área de saúde, por exemplo, muita gente acha que se colocar as luvas sem lavar as mãos não deixa acontecer a contaminação. Mas é importante lavar as mãos antes de passar o álcool em gel e de colocar luvas. As luvas não substituem a lavagem das mãos. A lavagem tem que ser correta antes de colocar as luvas. Claro que se sua mão não tem muita sujidade e você está num lugar em que não encontra água, se fizer um contato já com gel, já está tirando algo dos microorganismos que estão nas suas mãos."

Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), já está confirmado que a higienização correta das mãos reduz significativamente infecções.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.