Em Açailândia

Homem é preso após agredir mãe e irmã com golpes de foice

Em depoimento, a companheira do preso disse que, após uma discussão motivada por ciúmes, o homem pegou uma marreta e passou a destruir os objetos da casa. Na tentativa de contê-lo, a mãe e irmã do preso foram feridas por uma foice.

Imirante.com, com informações da PC-MA

- Atualizada em 04/04/2022 às 15h46
Ele foi encaminhado à Unidade Prisional de Açailândia.
Ele foi encaminhado à Unidade Prisional de Açailândia. ( Foto: Reprodução)

AÇAILÂNDIA - Um homem foi preso em flagrante pela Polícia Civil por tentativa de feminicídio no município de Açailândia, interior do Estado. A prisão foi realizada, nessa sexta-feira (1º), pela Delegacia Especial da Mulher após o preso cometer também o crime de lesão corporal contra a companheira, mãe e irmã.

Leia também:

Homem é preso após agredir companheira com socos e pontapés em Buriticupu

Mulher é morta a golpes de faca na frente dos filhos em Itapecuru-Mirim

Segundo a delegada Gabriela Victor, a companheira do agressor informou em depoimento que, após uma discussão motivada por ciúmes, em razão dela ter visto uma conversa suspeita no celular do autor, acabou quebrando o seu celular do agressor que, surtou e passou a destruir os objetos dentro de casa com uma marreta.

Na ocasião, desesperada a vítima ligou para a sogra, que esteve na residência do casal acompanhada da irmã do autor. Ao verem a situação, tentaram conter o acusado que, descontrolado, pegou uma foice e partiu em direção à sua companheira, mas esta conseguiu fugir, enquanto que a irmã e mãe do acusado foram atingidas, lesionadas, sendo posteriormente levadas ao hospital municipal.

Após ser comunicada dos fatos, a polícia, por meio dos investigadores plantonistas conseguiram efetuar a prisão em flagrante do acusado e, após os procedimentos de praxe, foi encaminhado à Unidade Prisional de Açailândia, onde permanecerá à disposição da justiça.

Feminicídio em Itapecuru-Mirim

Treze feminicídios já ocorreram durante este ano no Maranhão. Um dos últimos casos ocorreu no povoado Estopa, zona rural de Itapecuru-Mirim, no domingo (3). Segundo a polícia, Lucicleide da Silva, de 36 anos, foi morta na frente dos filhos, que são menores de idade, a golpes de faca pelo ex-companheiro, identificado como José Carlos.

Ainda de acordo com a polícia, o suspeito não aceitava o fim do relacionamento amoroso e chegou várias vezes ameaçar de morte a ex-mulher. Na noite de domingo, ela quando chegava em casa acabou sendo abordada por José Carlos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.