Pergentino Holanda

PH Revista: As festas do Réveillon em destaque

Veja também: os 100 anos de Dona Aliete Lopes Trinta e o Réveillon de Rosário Saldanha ao lado de Dona Marly Sarney.
Capa do PH Revista

O PH Revista deste fim de semana traz na capa a esfuziante digital influencer Luanne Holanda, destaca os 100 anos da Sra. Aliete Lopes Trinta e faz um passeio pelas festas de Réveillon de Thatiana e César Bandeira, de Ana Lúcia e Mauro Fecury, e a sensacional festa do Rio Poty Hotel, orquestrada pelo promoter João Marcelo Sá com a parceria de Évila Garcia Pinheiro e do diretor do hotel, Armando Ferreira

Os 100 anos de Dona Aliete Lopes Trinta

As irmãs Doroty Trinta, Déia Trinta Paes, Diana Trinta Unguerer e Délia Trinta festejaram com uma tarde festiva, regada a chocolate e muitas delicias maranhenses, os 100 anos de idade de sua mãe, Dona Aliete Lopes Trinta

Rosário Saldanha

Rosário Saldanha, com essa simpatia que Deus lhe deu, foi a única pessoa que conseguiu fazer uma foto ao lado de Dona Marly Sarney na noite de Réveillon organizada por sua filha Roseana Sarney

Cristiano Barroso Fernandes e Evandro Santos, sócios do Quintal Lagoa, apostam neste sábado no melhor do samba de raiz a partir das 17h

Quintal Lagoa: o mais novo Gastrobar de São Luís

São Luís ganhou há poucos dias mais um espaço de entretenimento com gastronomia de boteco, cerveja gelada, preço justo e boa música.

É o Quintal Lagoa, localizado na Lagoa da Jansen.

O local proporciona aos clientes a atmosfera de boteco com ambiente amplo, atendimento personalizado e palco para receber expoentes do samba e artistas locais da nova geração.

O estabelecimento funciona de quarta a sábado, das 18h às 2h.

Quintal Lagoa...2

A gastronomia do Quintal Lagoa está a cargo do renomado cheff Gustavo Araújo, considerado expert na arte de comida de boteco.

O menu segue com petiscos tradicionais, como caldinho de feijão, torresmo, linguiça artesanal e outros aperitivos marcantes e apresenta também pratos exclusivos, como o Língua ao Vinho, já considerado a estrela da Casa.

A estrutura do Quintal Lagoa conta com uma área ampla, totalmente arejada e convidativa e tem capacidade para receber 250 pessoas.

Quintal Lagoa...3

O Quintal Lagoa tem à frente os empresários Mariana Monteiro, Evandro Santos, Álvaro Carneiro e Cristiano Barroso Fernandes.

Segundo Cristiano, a ideia de abrir o empreendimento em um dos bairros mais elegantes da cidade, a Lagoa da Jansen, foi de oferecer ao público um ambiente diferenciado para que as pessoas se sintam realmente em casa, com bebida do jeito que todo mundo gosta e comida no ponto.

“Seja para um happy hour com amigos do trabalho, uma comemoração de aniversário, para o Quintal Lagoa o importante é confraternizar, proporcionar momentos especiais”, pontua.

Tome nota: neste sábado, por exemplo, a partir das 17h, a casa oferece o “Samba de Quintal”, uma espécie de pré-Carnaval, com 3 atrações musicais.

Gardênia Gonçalves

Dona Gardênia Ribeiro Gonçalves participou esta semana do evento de inauguração de dois Aceleradores Lineares, no Hospital do Câncer Aldenora Belo. Um deles, é resultado de uma verba liberada através do então Deputado João Castelo, em 2016, seu último ano como Deputado Federal

Ciência e bom senso

Na decisão do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, de não exigir atestado médico para a vacinação de crianças de cinco a 11 anos, pesou o risco de ser desmoralizado pela desobediência civil de governadores e prefeitos e a força da comunidade científica.

Ou seja: o resultado final é uma vitória do bom senso, da ciência e da pressão dos pais que querem o direito de vacinar seus filhos.

O resto é conversa para agitar as redes sociais.

DE RELANCE

Futuro incerto na Europa

Europa fecha o cerco contra os não vacinados e novas restrições – voltam as restrições e até o lockdown.

Segundo publicação na Euronews, alguns países estão fechando o cerco contra os turistas não vacinados, a França reduz, desde a última segunda-feira.

À semelhança de Portugal, as autoridades francesas obrigam agora a sete dias de recolhimento, em vez dos anteriores 10. Um período que pode mesmo ser encurtado para cinco dias, após a verificação de um resultado negativo num teste antígeno ou PCR que não serve absolutamente pra nada.

A variante Omicron é a dominante e o país ultrapassou o marco dos 10 milhões de casos de covid-19 registados, o parlamento francês prepara-se ainda para votar a alteração do passaporte sanitário atualmente em vigor para um certificado de vacinação.

Futuro incerto...2

Na Inglaterra, as máscaras passam a ser obrigatórias durante as aulas para os alunos do secundário. O país era a única das quatro nações do Reino Unido onde o uso de máscaras nas escolas não era recomendado.

A medida, diz o governo britânico, não se aplica aos professores e é temporária, estando previsto terminar em 26 de janeiro.

O objetivo é manter as escolas abertas para aulas presenciais, mas a tarefa pode vir a se revelar difícil, tendo em conta o aumento do número de contágios e as baixas entre o pessoal docente.

Também a Rússia está endurecendo o combate à pandemia. O país tem uma baixa taxa de vacinação. Em São Petersburgo, restaurantes, bares e locais públicos fechados só podem admitir quem apresente um teste PCR negativo ou prova de que está vacinado.

Na Grécia, os cidadãos estão sendo aconselhados a usar máscaras duplas ou de alta proteção para entrar em lojas e transportes públicos. Bares e restaurantes passam a fechar à meia-noite.

Incerto, caro e desnecessário

Viajar para o exterior é incerto, caro e desnecessário no momento.

O governo do Canadá, por exemplo, implorou para que seus cidadãos não deixem o país à medida que as províncias intensifiquem as vacinas para combater a variante de coronavírus Omicron.

Sem dúvidas essa nova onda do Covid-19, levantar voo para o exterior é sempre temerário além de duvidoso. A todo momento novas exigências surgem colocando por terra viagens planejadas e sonhos acalentados.

Além disso a constante alta do dólar torna tudo mais caro. O próprio EUA, sempre convidativo, está impraticável.

De volta a Brasília

Por quase três meses em São Luís ao lado da família e dos amigos, José Sarney retorna esta semana a Brasília. Encontrará uma cidade tomada pelas expectativas e dúvidas a respeito do ano político que se inicia e que será marcado, em outubro, pelo reencontro dos brasileiros com as urnas.

Paparicado por todos os pré-candidatos à presidência da República, de Bolsonaro a Lula, passando por Ciro Gomes e João Dória (que foi diretor da Embratur durante seu governo), Sarney comporta-se como um xamã, aquele que vê no escuro. A todos ouve, dá conselhos, mas não se compromete com ninguém.

O ex-presidente acha que o Brasil tem jeito. Mas precisa reformar a sua Constituição, que, segundo ele, torna o país quase ingovernável.

Ele que se prepare para a romaria de políticos que o espera em Brasília.

O mito do carro popular

Lembram de quando ter um carro próprio era um sonho realizável para a maioria das pessoas, independentemente de sua condição social ou econômica?

Pois agora, devido a fatores como a alta do dólar e o custo de matérias-primas, associadas à escassez de componentes que tem paralisado fábricas ao redor do mundo, houve uma disparada de preços nunca vista nos preços de veículos novos e usados.

No Brasil, os carros mais baratos, dito populares, estão na faixa de R$ 70 mil – valor que não está ao alcance da grande maioria dos brasileiros. E o pior é que os preços dos usados nunca estiveram tão altos.

Economia no Carnaval

Com a suspensão das festas de Carnaval em função do recrudescimento da pandemia do coronavírus, acaba-se a farra do dinheiro público comandada nesse período por prefeitos de todo o Brasil, especialmente do Maranhão.

E não estamos falando do patrocínio de blocos e agremiações carnavalescas, que justificam o apoio público, mas das famosas bandas de axé e sertanejo de outros Estados pagas a peso de ouro que infestam o Carnaval todos os anos.

Sem o Carnaval, evita-se a disseminação da Covid e promove-se uma grande economia de recursos públicos.

Os livros de Roseana

Ativa nas redes sociais, a ex-governadora Roseana Sarney publicou em sua conta no Instagram a relação das dez obras literárias maranhenses de sua preferência.

A lista inclui “Úrsula”, de Maria Firmina dos Reis; “Poema sujo”, de Ferreira Gullar; “Os tambores de São Luís”, de Josué Montello; “História do Maranhão”, de Carlos Lima; “Norte das águas”, de José Sarney; “Nau de urano”, de Nauro Machado; “Os canhões do silêncio”, de José Chagas; “Canaã”, de Graça Aranha; “O cortiço”, de Aluísio Azevedo; e “Tempo de Lisboa e outros poemas”, de Odylo Costa, filho.

Os seguidores de Roseana aprovaram sua lista e acrescentaram outros títulos, como sugestão, a começar por “Noite sobre Alcântara”, também de Josué Montello.

O Dia do Fico

Há exatamente 200 anos, no dia 9 de janeiro de 1822, o príncipe regente do Brasil, Dom Pedro, tomou uma decisão que resultaria meses depois na declaração da Independência do Brasil.

Foi o Dia do Fico. O pai, D. João VI, rei de Portugal, Brasil e Algarves, que o havia deixado na condução do país, exigiu o seu retorno a Portugal. Atendendo aos clamores da população para que aqui permanecesse, o príncipe disse a famosa frase: “Se é para a felicidade geral da nação, diga ao povo que fico”. E ficou.

A partir daí, desencadearam-se os fatos que resultaram na Independência, proclamada no dia 7 de setembro, 200 anos atrás.

Barulho de papagaios no Calhau

Quem mora em bairros arborizados de São Luís, a exemplo do Calhau, anda ouvindo “gargalhadas” nos finais de tarde. São bandos de pássaros de penas verdes fazendo a maior festa. A estrela é o papagaio-verdadeiro entre numerosos peroquitos. São aves cada vez mais comuns nesta Capital.

Originários de fugas e solturas, os periquitos e os papagaios comem sementes e frutos de leguminosas, palmeiras e cinamomos e apreciam as flores de paineiras.

Para escrever na pedra:

“Mais que de inteligência precisamos de afeição e doçura. Sem essas duas virtudes, a vida será de violência e tudo será perdido”. De Charles Chaplin.

TRIVIAL VARIADO

Depois desse engodo da ITA que ocasionou prejuízos sem fim a milhares, finalmente voltam a valer as velhas regras, isto é, em caso de cancelamento, o cliente poderá escolher entre reembolso, que volta a ser imediato, crédito ou remarcação do voo em caso de cancelamento. Isso está valendo desde o último dia de 2021.

A partir de agora, estão todos avisados: ao comer camarões, mastigue-os pelo menos cinco vezes antes de engolir. Camarão mal digerido pode causar obstrução intestinal.

O governador Flávio Dino prometeu, ao cancelar o Carnaval no Maranhão, que vai dar um auxílio aos grupos carnavalescos para compensar os prejuízos decorrentes da suspensão das festas. É aguardar.

Os municípios de Imperatriz, Mirador, Grajaú, Barra do Corda, Paraibano e Jatobá são os mais afetados pelas cheias responsáveis por desabrigar milhares de famílias maranhenses e espalhar doenças nas áreas alagadas.

O ex-senador Edison Lobão comoveu-se ao ver as imagens de sua cidade natal, Mirador, embaixo das águas. Determinou ao filho, Lobão Filho, que mobilize socorro para os seus conterrâneos.

Até o dia 18 de março, a Bibliomaison, biblioteca do Consulado da França no Rio de Janeiro, recebe a exposição “La Maison de Clarice”. A mostra traça um paralelo entre a vida e a obra de Clarice Lispector com Marguerite Duras e Nathalie Sarraute, suas contemporâneas.

A Câmara de Dirigentes Lojistas / CDL São Luís alterou a data e o local do sorteio da campanha Natal Show de Prêmios, devido à suspensão da Feirinha São Luís, onde o mesmo seria realizado.

Sem qualquer prejuízo aos participantes e com o cumprimento do regulamento, o sorteio acontecerá neste sábado, às 10h, no auditório da CDL São Luís, à Rua da Estrela, N. 508, Centro.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.