Férias no parque

Programação de férias é realizada no Parque do Bom Menino, em SL

Entre as atividades, estão campeonatos esportivos, dança, oficinas de materiais recicláveis, teatro, além de música e apresentações culturais.
Na Mira22/07/2021 às 10h02
Entre as atividades, estão campeonatos esportivos, dança e oficinas. Foto: Divulgação / Prefeitura de São Luís.

SÃO LUÍS - Uma vasta programação de férias está sendo realizada durante o mês de julho, no Parque do Bom Menino, localizado no centro de São Luís. Entre as atividades, estão campeonatos esportivos, dança, oficinas de materiais recicláveis, teatro, além de música e apresentações culturais.

Leia também:

Parque Botânico abre inscrições para programação de férias em São Luís

Nas quadras de esportes, meninos de 8 a 17 anos das turmas do Projeto Resgatando Vidas, da Semdel, driblam a ociosidade e o sedentarismo e mantêm a atividade física em dia. A secretaria vai promover ainda partidas de Handebol, no dia 23/07 (sexta-feira), das 9h às 12h; de Basquetebol no dia 24/07 (sábado), das 9h às 12h; e de Futsal, no dia 30/07 (sexta), das 9h às 12h.

Nas terças e sextas, às 10h, acontece uma sessão de Teatro de Bonecos, realizada pela Guarda Municipal de São Luís. Às 16h, técnicos do Impur realizam a Oficina de Brinquedos produzidos com materiais reutilizáveis, mostrando para a garotada a magia por trás da reciclagem que ressignifica o descartável.

Nas quadras de esportes, meninos de 8 a 17 anos das turmas do Projeto Resgatando Vidas, da Semdel, driblam a ociosidade e o sedentarismo e mantêm a atividade física em dia. Foto: Divulgação / Prefeitura de São Luís.

E tem programação também para a turma que já cresceu. Todas as quintas e sextas, das 16h às 18h, acontece a apresentação do saxofonista da banda da Guarda Municipal de São Luís.

O Grupo de Dança Afro Malungos (GDAM) também participa das atividades com oficina de penteados afro, de segunda a sexta, das 9h às 12h, além do Projeto Chama Pra Dançar, que acontece dia de terça-feira, às 17h30, onde o participante doa 1kg de alimento para aprender a dançar reggae e os alimentos são doados a pessoas carentes da comunidade.

O GDAM também participa com oficinas de percussão, ministrada pelo professor Jordenilson Duarte, e de capoeira, coordenada pelo professor Carlos Mafra, às terças e quintas, das 9h às 10h e das 15h às 16h.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.