Dia dos Pais

Aos 55 anos, pai muda rotina para participar de perto da criação do filho

O DJ e produtor musical Jorge Lobato é pai do pequeno Haniel Levi, de um ano e três meses de idade.
Adriano Soares/Na Mira11/08/2019 às 08h37
(Foto: Adriano Soares/ Na Mira)

SÃO LUÍS – Neste domingo (11) é celebrado o Dia dos Pais. Momento em que os filhos homenageiam, presenteiam e enchem de carinho essa figura tão importante na vida de muitos. Boas histórias de pais são o que não faltam por aí, mas, hoje, o Imirante.com apresenta a você a do seu Jorge Lobato, mais conhecido como Jorge Black.

Morador do bairro Cohatrac III desde 1982, DJ e produtor musical, Jorge Lobato, de 55 anos, é pai do pequeno Haniel Levi, de um ano e três meses de
idade, a quem dedica boa parte do seu tempo. Além de cuidar do filho durante o dia, Jorge ainda realiza suas atividades profissionais e cursa mais uma graduação – ele já é formado em Publicidade e Propaganda, e agora estuda jornalismo –, rotina que chama atenção e é motivo de admiração por parte de seus familiares e amigos.

“É uma experiência maravilhosa cuidar do meu filho. Eu participei da criação de dois sobrinhos meus, que hoje já são adultos. Então, eu tive que reaprender tudo de novo com o Haniel”, explica Jorge.

Mudança de rotina

De fato, um filho muda a rotina dos pais, principalmente em seus primeiros anos de vida. Jorge Lobato conta que a decisão de dedicar mais parte do seu tempo à rotina do seu filho foi tomada em conjunto com sua esposa, que trabalha durante os dois turnos em uma escola. “O Levi está em uma fase em que depende da gente para absolutamente tudo. Então, obviamente, a gente não tem como deixar ele sozinho. As vezes o pessoal até brinca que quem mais mima ele sou eu”, conta.

(Foto: Adriano Soares/ Na Mira)

Jorge se tornou pai após os 50 anos de idade. Ele relembra como foi a surpresa e alegria ao saber que sua esposa, que atualmente tem 35 anos, estava grávida. Alegria essa que se estendeu a toda a família, mudando radicalmente a rotina do casal. “Pra mim isso tudo é muito legal. O bebê faz natação desde os quatro meses de idade. Lá, a gente criou um grupo de pais e nós sempre nos reunimos para contar um pouco das nossas experiências e muitos me admiram por ter um filho bebê, continuar estudando e dando conta
das minhas coisas na área da produção cultural” diz.

Jorge é um exemplo de pai, garra, determinação e amor incondicional ao seu filho e família por onde passa. Em sala de aula, ele conta que os professores e colegas sempre perguntam como é que ele consegue dar conta de tanta coisa, aliada ao acompanhamento de perto da rotina do pequeno Haniel Levi. O protagonista da nossa história garante que consegue exercer todas as suas atividades de maneira sempre a dar prioridade para o seu filho.

Para Jorge, ser pai é algo transformador, um divisor de águas na vida de qualquer homem. É um momento de grandes descobertas, redescobertas e aprendizados. “Por vezes, eu penso mais no Haniel do que em mim. As vezes eu estou na aula, mas sempre dou um jeito de ligar pra casa pra saber como está o bebê”, explica o pai do Haniel Levi.

Mensagem

A todos aqueles que já são pais ou pensam em ter um filho, o recado que o papai Jorge Lobato deixa, nesta data tão especial, é para que amem, deem atenção especial aos seus filhos, estejam perto, ajudem em tudo aquilo que precisarem, orientem e sejam parceiros. “Nessa minha experiência de pai
posso dizer que não é difícil ter um filho, a gente só precisa se organizar e dar todo o amor e carinho a eles”, finaliza.

Com essa bela história, o Imirante.com deseja a todos os pais um Feliz Dia dos Pais.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.