Arraial Energia do São João

Auditório do Ceprama é reformado e reinaugurado com doações do Arraial Energia do São João

Solenidade foi realizada nessa terça-feira (60), no Ceprama, encerrando, oficialmente, o Arraial Energia do São João 2019.
Adriano Soares / Na Mira07/08/2019 às 09h47
Momento da entrega da placa de reinauguração do auditório do Ceprama. Foto: Adriano Soares / Imirante.com

SÃO LUÍS – Foi realizada, nessa terça-feira (6), a solenidade de encerramento, oficial, do Arraial Energia do São João 2019, no auditório do Centro de Produção Artesanal do Maranhão (Ceprama), que foi totalmente reformado e reinaugurado com as doações arrecadadas com a festança promovida pelo Grupo Equatorial Cemar e produção geral assinada pela empresa Octop Entretenimento, durante três fins de semana do mês de julho.

Arraial Energia do São João

A terceira edição do Arraial Energia do São João, foi um sucesso de público e, também, de novidades aos visitantes que passaram pelo Ceprama durante os nove dias de festa. A programação do arraial contou com diversos grupos, que mostraram a pluralidade da tradição folclórica e cultural maranhense. Além disso, espaços especiais foram preparados para atenderem a todos os tipos de público, como o Espaço Sensorial e os assentos preferenciais para pessoas da terceira idade ou com mobilidade reduzida.

Público lotou o Ceprama em todas as noites de programação do Arraial Energia do São João. Foto: Kayo Sousa

A solenidade dessa sexta-feira (6), foi um retorno à comunidade da Madre Deus, assim como de toda a cidade, da parte do Arraial Energia do São João, que não só usa o Ceprama, mas também promove melhorias nas instalações físicas do local, que é um ponto de encontro da produção de arte e cultura popular maranhense.

De acordo com Jeane Pires, analista de responsabilidade social da Cemar, a edição deste ano do Arraial Energia do São João superou todas as expectativas. Além disso, parte da venda das comidas e bebidas comercializadas nos dias de festança foi doada para reforma do auditório do Ceprama. “O arraial mostrou este ano que veio pra ficar, que ele já faz parte do calendário da cidade. Podemos dizer que ano que vem tem mais e a ideia é, mais uma vez, superar expectativas”, garante.

Reforma e reinauguração do auditório do Ceprama

A reinauguração do auditório, faz parte das comemorações aos 30 anos do Ceprama, que será completado no mês de outubro deste ano. De acordo com Jorge Domingos Júnior, diretor centro, com ações conjuntas de revitalização e espaços do local, a ideia é tentar resgatar o complexo como um todo, atraindo pessoas para conhecerem mais e melhor da produção artística e cultural do Maranhão. “O nosso grande foco no Ceprama é o artesanato, e nós estamos buscando, de maneira ampla, estender essa parceria junto com a cultura e trazer o auditório, o espaço cultural – que é o nosso anfiteatro, onde realizamos o São João – para movimentar esse espaço tão amplo e que carrega muito da nossa tradição e história”, afirma.

Jorge Domingos Júnior, diretor do Ceprama. Foto: Adriano Soares / Imirante.com

Quem também esteve na solenidade de encerramento do Arraial Energia do São João e reinauguração do auditório do Ceprama foi Henrique Almeida, diretor da Octop Entretenimento, que assinou a produção geral da festança. Ele conta que a empresa, enquanto produtora de eventos, aproveita a grande concentração de pessoas que o evento proporciona para poder realizar, também, ações em prol da sociedade.

“A gente espera que com essa entrega hoje esse auditório seja um instrumento de capacitação e potencialização não só do artesanato, mas da comunidade geral de São Luís”, declara Henrique.

Henrique Almeida, diretor da Octop. Foto: Adriano Soares / Imirante.com

Ceprama Intinerante

Durante a cerimônia dessa terça-feira (6), no auditório do Ceprama, foi lançado, também, o projeto Ceprama Intinerante, que será uma feira de artesanato que rodará o Maranhão, com o objetivo de promover o intercâmbio da produção de artesanato regional e a promoção de trabalho e renda. Além disso, o projeto prevê o mapeamento, capacitação e cadastro de artesãos no Sistema de Informações do Cadastro do Artesanato Brasileiro (Sicab).

A solenidade contou, ainda, com a palestra “A CÂNHAMO – Uma História Fabril & Familiar”, ministrada pelo Doutor em Ciências Sociais, Diogo Guagliardo Neves que contou a história da antiga fábrica que hoje abriga o Ceprama.

Nova marca do Ceprama. Foto: Adriano Soares / Imirante.com

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.