Celebração

Fãs comemoram Dia Nacional do Fusca neste sábado (23), em São Luís

Encontro terá concentração no Cohab e percorrerá pelas ruas da cidade.
Jonas Sakamoto / Imirante.com22/01/2016 às 13h00

O Dia Nacional do Fusca foi comemorado na última quarta-feira (20), mas a data não irá passar em branco em São Luís. Apaixonados e amantes do "Bezouro", como é carinhosamente apelidado, terão um encontro com o objetivo de comemorar a data que marca os 57 anos que a primeira unidade foi fabricada em terras brasileiras.

A celebração, que contará com quatro clubes ativos em São luís - Clube do Fusca SLZ, Magoados do Fusca, Fusqueiros da Ilha e Turma do Fusca -, tem o objetivo de comemorar a data e alcançar mais pessoas com o clássico da Volkswagem.

Segundo Aylton Cordeiro, presidente do Clube do Fusca SLZ, a data é tradição: "Acho que já é a quarta vez que comemoramos essa data, e a expectativa é sempre alcançar mais e mais pessoas. Mais e mais carros para nossa "Fusqueata".

O número esperado de Fuscas está em torno de 30 veículos que irão se concentrar próximos as tendas de lanches do bairro da Cohab, na avenida de acesso ao Cohatrac, a partir das 19h30 e saída em carreata pelas principais avenidas prevista para às 20h10.

O percurso irá passar pelas principais avenidas de bairros como Cohab, Angelim, Cohama, Vinhais, Cohafuma e Renascença. Além de passar pela orla da avenida Litorânea e pela Lagoa da Jansen.

Veja o trajeto:

Alguns dados históricos do Fusca:

1934 - Por ordem de Hitler, o projetista austríaco Ferdinand Prosche é contratado para produzir o projeto do Fusca. O primeiro protótipo surge um ano depois.

1936 - Em julho, saem as primeiras unidades do sedã (V1). A resistência delas é testada em um enduro de 50 mil km. No mesmo ano surge a versão conversível.

1939 - Mal os ‘besouros’ começam a ser fabricados quando, no auge da 2ª Guerra Mundial, eles são interrompidos para a montagem de veículos militares.

1947 - Onze anos depois do desenvolvimento dos sedãs, a Alemanha realiza as primeiras exportações. Os carros vão para a Holanda e os EUA.

1950 - Em setembro, chegam ao Brasil os primeiros modelos. Cinco anos depois, a fabricante alcança a marca de um milhão de unidades na Alemanha.

1959 - O Fusca passa a ser feito oficialmente no Brasil, com 54% das peças nacionalizadas. Em 1972 foi a vez de o país atingir o um milhão de veículos.

1986 - Para fabricar outros modelos, a VW do Brasil abandona a montagem do Fusca. O sedã volta em 1993, mas logo é deixado em 1996.

Serviço

10º Dia Nacional do Fusca

Quando: sábado (23)

Horário: 19h30

Local: Fest Lanches

Entrada visitantes: gratuita.

Informações: Página no Facebook do Clube do Fusca SLZ

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.