Especial Mulher

Ciclo menstrual: saiba como evitar os incômodos

O ciclo menstrual da mulher geralmente acontece a cada 28 a 30 dias, sendo dividido em duas fases: a primeira, que vai até o 14º dia, e a segunda metade, que começa a contar a partir do 15º a 28º dias.
Divulgação/Assessoria04/03/2015 às 08h47

Ele tem data e hora para chegar. O ciclo menstrual da mulher geralmente acontece a cada 28 a 30 dias, sendo dividido em duas fases: a primeira, que vai até o 14º dia, e a segunda metade, que começa a contar a partir do 15º a 28º dias. É nesse período que as mulheres passam por diversas mudanças, como a alteração de humor, sangramento, inchaço, aumento da libido, sensibilidade dos seios e ainda têm que lidar com a chegada da Tensão Pré-Menstrual ( TPM ), que atinge cerca de 80% das mulheres.

Segundo a ginecologista e obstetra Erica Mantelli (CRM-124.315), o ciclo menstrual começa no primeiro dia da menstruação. ”A partir desse momento o corpo da mulher vai passar por várias etapas. Na fase inicial acontece a produção de estrogênio pelo ovário. Depois, por volta do 14º dia, antes do início da próxima menstruação, ocorre a ovulação propriamente dita. E no segundo período tem início à fase de produção de progesterona, conhecida também como fase lútea”, explica.


O ciclo menstrual acontece geralmente entre 28 dias e nesse período a mulher pode sofrer diversas variações, desde depressão à euforia ou da ausência de apetite sexual a um aumento da libido. “Estas mudanças acontecem devido às alterações principalmente de dois hormônios, os estrogênios e a progesterona”, afirma a ginecologista.


Quem toma anticoncepcional pode não sentir todos os sintomas do ciclo menstrual devido a sua ação no organismo. “A pílula bloqueia o funcionamento dos ovários e eles ficam em repouso, o que diminui as chances da mulher engravidar, além de inibir as alterações hormonais”, esclarece.


Conhecendo o seu corpo


Para esclarecer as dúvidas sobre o ciclo menstrual, a ginecologista Erica Mantelli desvenda o que acontece com o corpo em cada fase e como aliviar os sintomas:


1ª Fase: Preparo para o período fértil


É marcada por ocorrer duas semanas após o inicio da menstruação e também pelo desenvolvimento do óvulo que será liberado pelo ovário. “Nessa fase o desenvolvimento do óvulo ocorre à secreção do estradiol, conhecido como o principal hormônio da mulher. A mulher pode sentir a sua vagina um pouco mais lubrificada e pode ter aumento da libido”, revela a ginecologista.


2ª Fase: Período fértil e ovulação


O período fértil dura entre um ou dois dias antes e depois da ovulação. “O dia da ovulação varia de mulher para mulher. É mais fácil ele ser calculado quando o ciclo menstrual é regular”, destaca Erica.


Nessa fase as mulheres podem sentir alguns sintomas como o aumento da libido, lubrificação da vagina acompanhada de uma secreção, com aspecto de ‘clara de ovo’. “Algumas mulheres reclamam de dor na região pélvica que ocorre com a liberação do óvulo”, ressalta Mantelli. Para amenizar esse incômodo pode ser utilizado analgésico, mas se a dor continuar, não hesite em procurar o ginecologista.


3ª Fase: Período pós-ovulação


Essa fase corresponde à terceira semana do ciclo menstrual, sete dias após a ovulação. “É muito comum a mulher sentir os seios sensíveis, notar um inchaço, obstipação (prisão do ventre) e cansaço”, conta. Pratique exercícios físicos, mantenha uma alimentação balanceada e beba bastante líquido para se livrar desses sintomas.


4ª Fase: TPM (Tensão Pré-Menstrual)

Durante o ciclo menstrual é quase impossível escapar da famosa (e tão temida pelas mulheres) tensão pré-menstrual. “A TPM ocorre geralmente na quarta semana do ciclo menstrual e nesse período o nível de progesterona está altíssimo, contribuindo para os seus efeitos”, diz a ginecologista.
Além dos outros sintomas da terceira fase, na quarta fase há uma piora de todos eles e a mulher ainda conta com a alteração de humor, tristeza, irritação, ansiedade, agressividade e felicidade. “O melhor a fazer nessa etapa é se cuidar até ela passar. Procure consumir alimentos saudáveis, evitar tomar café e bebidas alcoólicas, pratique exercícios e evite os exageros quando o assunto é chocolate”, sugere.


5ª Fase: Menstruação


Essa fase pode durar de dois a sete dias, dependendo do fluxo da mulher. A menstruação significa o fim de um ciclo e o começo de outro. “Algumas mulheres sentem cólicas durante a menstruação e o volume grande de fluxo também pode incomodar”, acrescenta a ginecologista.


Nesse caso, analgésicos podem amenizar a cólica e, se o seu fluxo está muito intenso, procure um medico para que ele faça uma avaliação no útero ou colo. “O volume aumentado de fluxo pode significar alterações hormonais, miomas ou pólipos”, alerta a médica.


O ciclo menstrual pode variar de 21 a 35 dias. Se a menstruação estiver irregular, com aumento do fluxo, presença de coágulos, cólicas intensas, menstruação com duração acima de 7 dias e sintomas exacerbados de TPM, é necessário procurar o ginecologista o quanto antes, para investigar as causas da irregularidade e tratá-las.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.