Livro

Elisabeth Bittencourt lança livro 'Vaidade no Feminino'

O lançamento será realizado sábado, 22, na Casa Nhozinho.
Na Mira com informações da assessoria17/06/2013 às 13h24

A psicanalista Elisabeth Bittencourt vive com um pé no Rio e outro no Maranhão, onde vai lançar o livro Vaidade no feminino, uma série de artigos escritos a partir de entrevistas que ela fez com camponesas maranhenses em viagens pelo interior do estado.

O livro reúne textos escritos entre 1995 e 2009. O título ganhou o nome de um dos artigos. “Na Vaidade no feminino, sou tomada pelo desejo de trabalhar a importância e a falta de sustança que o reflexo da imagem, substrato de suma importância para o registro do imaginário, tem para uma mulher”, explica.

Os escritos surgiram das mais diversas fontes. Alguns temas vieram da prática da clínica; outras de questões pessoais do seu universo de mulher; outros de convites para participar de eventos de psicanálise. Antes de chegar à Vaidade no feminino, ela escreveu um trabalho de 400 páginas chamado “A linha da vida ou A saída é por onde não tem porta”, ainda inédito. O último capítulo desse escrito reunia as respostas das camponesas às interrogações que iam da infância à velhice. Fonte inesgotável para Vaidade no feminino.

Os depoimentos são apresentados no livro numa abordagem que comporta o discurso psicanalítico e a criatividade da escritora que dá voz aos “analfabetos letrados”, como ela os nomeia, gente simples com fina sensibilidade e sabedoria.

A noite de autógrafos terá uma programação com mestres da cultura popular, cazumbinhas do boi da Floresta e caixeiras do Divino de Viana.

Elisabeth Bittencourt é carioca. Foi membro fundador da Escola de Psicanálise do Maranhão e da Escola Lacaniana de Psicanálise do Maranhão. É analista membro da Escola Lacaniana de Psicanálise do Rio de Janeiro e membro do Núcleo de Direito e Psicanálise do curso em Pós Graduação em Direito na Universidade Federal do Paraná.

SERVIÇO

O QUÊ: Lançamento do livro Vaidade no feminino de Elisabeth Bittencourt

ONDE: Casa de Nhozinho, rua Portugal, 185, Praia Grande

QUANDO: sábado, 22 de junho, 18h

PROGRAMAÇÃO: Coquetel; leitura de fragmentos dos textos; toque de caixeiras de Viana; exposição de slides e fotos do quilombo de São Cristóvão, Viana; presença de mestres da cultura popular e cazumbinhas do boi da Floresta.

Entrada livre

Para ler mais notícias do Na Mira, clique imirante.com/namira. Também siga o Imirante no Twitter e curta nossa página no Facebook.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.