Literatura maranhense

Estudante maranhense lança livro digital inspirado em romance

Willame Belfort é membro da Academia de Artes, Ciências e Letras do Brasil, já possui dois eBooks lançados e também se dedica à música.

Anne Cascaes/ Na Mira

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h06
Maranhnese possui destaque na música e literatura. (Foto: arquivo pessoal)
Maranhnese possui destaque na música e literatura. (Foto: arquivo pessoal)

SÃO LUÍS – Passar a conciliar diversas funções é um dos marcos na transição para a vida adulta. Contudo, o processo pode apresentar maior leveza quando as responsabilides são, na verdade, coisas que já estavam presentes desde a infância.

A música e a literatura, por exemplo, desde cedo acompanharam o maranhense Willame Belfort. No incício de 2020, ele iniciou a graduação no curso de letras e divide essa atividade com uma formação em piano, que está em andamento pela Escola de Música do Maranhão Lilah Lisboa de Araújo e, ainda, como professor no Núcleo de Atividades de Altas Habilidades/Superdotação Joãosinho Trinta, pianista colaborador na EMEM e compositor erudito independente, com obras disponíveis no arquivo digital do Sesc Partituras.

“Desde cedo mostrei interesse pelos livros - fato este que me levou à ser poliglota autodidata em tão pouco tempo - e, em seguida, o gosto por escrever. Aos sete anos de idade criava estórias para o teatro infantil de bonecos (fantoches caseiros) do bairro - época em que dominava, também, o desenho - e já arriscava alguns versos, mas foi durante os anos escolares na Escola CEMSA que decidi encarar o mundo das letras com mais afinco”, conta Willame.

Com suas habilidades nas vertentes literária e musical, Willame acabou ganhando destaque e notoriedade de personalidades das áreas. O estudante, que já possui dois livros digitais lançados, já é membro da Academia de Artes, Ciências e Letras do Brasil (ACILBRAS), após chamar atenção do presidente da Instituição Armando Caaraura.

“Eu sou um caçador de talentos. Costumo ficar acordado durante a madrugada no exercício de tal atividade, mas desta vez quem o descobriu foi a minha assistente a acadêmica Dayane Lázaro. Fiquei fascinado pela qualidade e quantidade nas produções do brilhante Willame com tão pouca idade e, durante a entrevista, pude constatar além da genialidade, um ser humano grandioso”, disse o presidente e maestro Armando Caaraura.

Lançamentos

O mais recente livro digital de Willame foi lançado nessa última sexta-feira (14). A obra recebeu o título de “Cartas, haicais e outros poemas: escritos sob a saudade", que foram inspirados e dedicados à namorada de Willame, Louryellen Costa, que também é escritora e estudante de psicologia.

“No início tinha aversão aos eBooks, mas devido as medidas de isolamento social tive que suspender o lançamento presencial e me adaptar a essa ferramenta que agora julgo eficiente e maravilhosa”, explica o estudante.

O livro, disponível em versão digital, é uma reunião de poemas onde Willame trata sobre a saudade que o cerca em meio à pandemia.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.