Uso de heroína

Cantora Demi Lovato é internada após sofrer overdose

A cantora já divulgou, publicamente, que trava uma luta, desde 2012, para se livrar da dependência química.
Na Mira24/07/2018 às 17h42
Cantora Demi Lovato é internada após sofrer overdoseA artista já relatou que, além de sofrer com os vícios, ela tem outros problemas como transtorno bipolar, bulimia, automutilação, bullying e anorexia. (Foto: Divulgação)

A cantora Demi Lovato foi internada, na madrugada desta terça-feira (24), após sofrer uma overdose de heroína. As informações foram divulgadas pelo site TMZ, o qual afirma que a artista, de 25 anos, foi levada para um hospital na cidade de Los Angeles, nos EUA.

A cantora já divulgou, publicamente, que trava uma luta, desde 2012, para se livrar da dependência química. Em 2017, Demi falou sobre sua luta para se manter sóbria durante um evento da Brent Shapiro Foundation for Drug Prevention. "É incrível ser homenageada por minha sobriedade porque isso é algo que eu decidi fazer por mim mesma, e isso é uma coisa que eu precisava fazer por mim e estar sendo reconhecida por isso é incrível… Às vezes eu olho para trás e simplesmente agradeço por estar viva. Sou muito agradecida por essa equipe que entrou na minha vida", afirmou a cantora na época.

Recentemente, Demi afirmou que estava há mais de seis anos sem usar drogas e álcool. No mês passado, Lovato lançou uma canção na qual falava da tentativa de ficar longe das drogas e até se emocionou quando cantou “Sober” (Sóbria), durante o Rock in Rio Lisboa.

Veja

A artista já relatou que, além de sofrer com os vícios, ela tem outros problemas como transtorno bipolar, bulimia, automutilação, bullying e anorexia.

Demi Lovato tem uma carreira consolidada, com foco no estilo pop. Ela já veio ao Brasil em 2009, 2010, 2012, 2014, 2015 e 2017. Além disso, a cantora tem shows marcados nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Fortaleza em novembro deste ano.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.