Homenageando o Maranhão em 2018

Acadêmicos do Tatuapé divulga letra de samba enredo que homenageia Maranhão

A letra do samba foi divulgado na quadra especial da escola, no dia 5 de agosto.
Adriano Soares/Na Mira11/08/2017 às 20h33

SÃO PAULO – Campeã do Carnaval paulista deste ano, a escola de samba Acadêmicos do Tatuapé, de São Paulo, vai homenagear o Maranhão, em seu samba-enredo do Carnaval 2018, no Anhembi. O anúncio foi feito no mês de abril deste ano.

Na noite de sábado (5), a escola apresentou em sua quadra especial, na Zona Leste da capital paulista seu hino para 2018, assinado por Fabiano Tenor, Mike e Luiz Ramos, e que canta a história do enredo: “Maranhão: os tambores vão ecoar na terra da encantaria”.

Acompanhe na íntegra a letra do samba enredo:

NO MAR! FOI NO BALANÇO DO MAR

QUE O SONHO APORTOU NA ILHA DA MAGIA

LÁ TEM PALMEIRA ONDE CANTA O SABIÁ

O SOL NAMORA A BELEZA DO LUGAR

CENÁRIO DE POESIA

TANTAS BATALHAS VIVIDAS NESSE TORRÃO

HERANÇA DE LUTA, CULTURA E AMOR

ÔÔÔÔ, O NEGRO TANTO CLAMOU

A LIBERDADE AOS PÉS DO SENHOR

Ô LUAR, Ô LUAR

DEIXA A GIRA GIRAR ... CRIOULA

HOJE TEM CANJERÊ, FEITIÇARIA, Ô

JÊJE- NAGÔ, KAÔ MEU PAI XANGÔ

Ê, TEM CANTORIA! EITA POVO FESTEIRO!

TEU FOLCLORE É TRADIÇÃO

Ê, CHORA VIOLA

PRETA VELHA CONTA HISTÓRIA, LENDAS DESSE CHÃO

Ô, QUEBRA O COCO IÁ IÁ

MATRACAS VÃO EMBALAR

BUMBA-MEU-BOI, MEU CAZUMBÁ

OUVINDO REGGAE DO BOM

É CARNAVAL VEM CURTIR ESSE SOM

É EMOCÃO, O MEU PAVILHÃO VAI GIRAR

NA TERRA DA ENCANTARIA

OS TAMBORES VÃO ECOAR

VIVA SÃO JOSÉ, VENHA ME VALER

ILU AYÊ Ô ILU AYÊ

TATUAPÉ NUMA LINDA PROCISSÃO

CANTA SUA HISTÓRIA...OH! MARANHÃO

Saiba mais:

Confira os temas dos sambas enredos das escolas de samba, do grupo especial, de São Paulo e Rio de Janeiro para o Carnaval de 2018:

Grupo Especial - RJ

Portela: De repente de lá pra cá e dirrepente daqui pra lá
Mocidade Independente de Padre Miguel: Namastê - a Estrela que habita em mim, saúda a que existe em você
Salgueiro: Senhoras do ventre do mundo
Estação Primeira de Mangueira: Com dinheiro ou sem dinheiro em brinco
Grande Rio: Vai para o trono ou não vai?
Beija-Flor: Monstro é aquele que não sabe amar! Os Filhos abandonados da Pátria que os Pariu
Imperatriz Leopoldinense: Uma noite real no Museu Nacional
União da Ilha do Governador: Brasil, bom de boca
São Clemente: Academicamente Popular
Unidos de Vila Isabel: Corra que o futuro vem aí
Unidos da Tijuca: Um coração urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem
Paraíso do Tuiuti: Meu Deus, Meu Deus, está extinta a escravidão?
Império Serrano: O Império do samba na rota da China

Especial SP

Tatuapé: Maranhão: os tambores vão ecoar na terra da encantaria
Dragões da Real: Minha música, minha raiz! Abram a porteira para essa gente caipira e feliz
Vai-Vai: Gilberto Gil – A música do mundo do artista da paz
Império de Casa Verde: O povo, a nobreza real
Rosas de Ouro: Pelas estradas da vida - Sonhos e aventuras de um herói brasileiro
Mocidade Alegre: A voz marrom que não deixa o samba morrer
Vila Maria: Aproveitam-se de minha nobreza, você não soube, não te contaram? Suspeitei desde o principio! Não contavam com minha astúcia!
Tucuruvi: Uma noite no Museu
Gaviões da Fiel: Guarus – Na aurora da criação, a profecia Tupi…Prosperidade e paz aos mensageiros de Rudá
Mancha Verde: A amizade, a Mancha Verde agradece do fundo do nosso quintal
Peruche: Peruche celebra Martinho. 80 anos do Dikamba da Vila
Tom Maior: O Brasil de duas imperatrizes: De Viena para o novo mundo. Carolina Josefa Leopoldina: De Ramos, Imperatriz Leopoldinense
X-9 Paulistana: A voz do Samba é a voz de Deus – depois da Tempestade, vem a bonança
Independente Tricolor:

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.