Terceiro dia do evento

Veja as atrações do Jazz e Blues Festival 2017

O evento ocorre entre os dias 11 e 13 de agosto.
Arlan Azevedo / Na Mira, com informações do projeto19/07/2017 às 08h30

BARREIRINHAS - O 9º Lençóis Jazz e Blues Festival 2017 ocorre entre os dias 11 e 13 de agosto, na cidade de Barreirinhas. Você já se programou?

Veja a programação do terceiro dia (domingo, 13) do evento!

20h - Eduardo Neves e Rogério Caetano (RJ)

O dueto formado pelo flautista, saxofonista e compositor Eduardo Neves e pelo violonista e também compositor Rogério Caetano transita com facilidade entre o popular e o erudito. Os artistas vão do choro ao jazz, passando pelo frevo, samba e bossa nova. Eles procuraram, na diversidade de gêneros, construir uma obra moderna, plural e tocada de forma original. O improviso do dueto pode ser identificado em canções executadas de forma mais solta, leve e bem humorada e, em outras, de forma erudita, clássica, camerística, mas ao mesmo tempo com o despojo da música popular brasileira e com influência de Villa Lobos.

Na nona edição do Lençóis Jazz e Blues Festival eles vão encantar o público de Barreirinhas com Eduardo Neves tocando flauta e sax e Rogério Caetano, violão de sete cordas.

21h15 - Cristovão Bastos e Trio (RJ)

O tecladista é​ considerado um mestre do choro ​​​contemporâneo e dos arranjos. Já foi premiado com oito prêmios SHARPS, indicado ao Grammy Latino e ​ganhador do​ Prêmio da Música Brasileira. Ele aproxima o Choro de um grande público no Brasil e é considerado um grande compositor. Em Barreirinhas, Cristóvão Bastos (teclado) ​​vai se apresentar, com ​os​ convidados M​aurício Carrilho (violão) e Aquiles Moraes (trompete), o show do trio intitulado Homenagem aos Mestres do Choro. Ele marca as comemorações dos 70 anos de Cristóvão e terá no repertório arranjos inéditos para clássicos como Odeon, de Ernesto Nazareth e, Carinhoso, de Pixinguinha.

As composições mais gravadas do músico também estarão presentes na porta de entrada dos Lençóis Maranhenses. Entre elas, Choro para o Valdir, parceria com Paulinho da Viola e Choro dos Mestres, que ganhou videoclipe para gravação de Mauro Senise.

22h30 - Sandra Duailibe e Quarteto (MA)

A compositora e cantora Sandra Duailibe abraçou, em 2005, o canto como vida e profissão. Com um timbre de voz singular e interpretações emocionantes, é considerada uma das divas da nossa MPB. Tem em sua discografia, os CDs Do Princípio ao Sem-Fim (2007) que concorreu ao prêmio máximo da música mundial Grammy Latino, A Bossa no Tempo (2008), Receita (2011), Elas Cantam Menescal (2012) e “Sandra Duailibe Canta Nonato Buzar” (2015). Em 2017, lançou em Brasília e no Rio de Janeiro seu DVD Celebrizar acompanhada por um time de primeira.

Fez turnê com Simone Guimarães e Antenor Bogéa por Marseille, Cannes e Paris (França) e já representou o Brasil no Festival Internacional de Música da La Corunã (Espanha). Se apresentou também em Athenas (Grécia) e, recentemente, cantou na França ao lado do artista Antenor Bogéa, no I Bazoches Brasilian Festival.

DJ Vanessa Serra (MA)

Durante os três dias de Festival, a DJ marca presença. Ela é jornalista, pesquisadora de Cultura Popular e de Música e colecionadora de discos de vinil. Atua como DJ desde dezembro de 2016. Desde 2017 é DJ residente no Restaurante Manu, no Brisamar Hotel, em São Luís, onde realiza semanalmente o projeto Quarta do Vinil.

Participa do ciclo de DJs que toca às quintas-feiras no Buriteco Bar & Café (Praia Grande). Este ano foi a DJ convidada nos shows Viva Belchior e Um show para Papete, organizados por um grupo de artistas liderado por Tutuca Viana e Alberto Trabulsi. Também participou do Refavela – 40 anos e do Baile Black, com produção da Rádio Zion, entre outras iniciativas e eventos particulares.

No Lençóis Jazz & Blues Festival, a maranhense vai encantar o público, nos intervalos dos shows, com sequências inusitadas de músicas nacionais e internacionais pontuadas pela bossa nova, jazz e blues em uma discotecagem retrô e 100% analógica.

O festival conta com os patrocínios da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), e do Governo do Estado do Maranhão, via Lei Estadual de Incentivo a Cultura e os apoios culturais do Sesi / Fiema, Sebrae, Prefeitura Municipal de Barreirinhas, Viluma Construtora, Tory Brindes, TV Mirante e TV UFMA - Realização Tutuca Viana Produções.

Veja mais no site oficial do festival e nas redes sociais: Twitter (@lencoisfestival), Instagram (@lencoisfestival) e Facebook (LencoisJazzBluesFestival).

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.