Exposição

Exposição de fotos exalta a beleza da mulher ruiva

Projeto também critica a perseguição sofrida pelas ruivas ao longo da história.
Imirante Imperatriz, com informações da assessoria06/12/2016 às 16h04

IMPERATRIZ - Entre ruivas naturais e mulheres que decidiram adotar o vermelho em seus cabelos, o projeto 50 tons de ruiva, pretende exaltar a beleza e criticar o histórico de perseguição sofrido pelas mulheres que nasciam com o tom avermelhado no cabelo.

A exposição fotográfica também é uma crítica ao livro 50 Tons de Cinza, pelo conteúdo adulto e explícito. A exposição é realizada num shopping da cidade, e segue até 18 de dezembro, a partir das 10h, com visitação gratuita.

O diferencial do projeto foi reunir 50 mulheres ruivas, segundo o responsável pela mostra, o fotógrafo Gerson Militão, que enxerga na iniciativa uma maneira de destacar a violência contra esse grupo de mulheres. O profissional diz ser uma enorme felicidade ter seu trabalho exposto ao público. “É uma realização profissional muito grande ver meu trabalho sendo contemplado por boa parte da cidade, uma felicidade enorme”, disse.

Durante a exposição o fotógrafo estará presente para tirar dúvidas sobre a mostra, e falar um pouco mais sobre a violência contra esse grupo na história mundial.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.