Luto

Corpo do mestre Marcelino, do boi de Guimarães, será enterrado hoje

Ele foi o fundador do tradicional bumba-boi de sotaque de zabumba.
Na Mira07/03/2016 às 06h29

GUIMARÃES - Será enterrado às 8h desta segunda-feira (7) o corpo do mestre Marcelino Azevedo, do bumba meu boi de Guimarães. Ele morreu na manhã desse domingo (6) após complicações da diabetes descoberta recentemente, segundo a filha Cíntia Avelar.

O velório está sendo realizado na sede do bumba-boi, no Centro do município de Guimarães. O enterro será no cemitério público da cidade.

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) lamentou a morte de um dos ícones da manifestação de sotaque de zabumba. Marcelino era reconhecido pelo Ministério da Cultura como Mestre em Cultura Popular. Veja a nota na íntegra:

A Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) lamenta o falecimento de Marcelino Azevedo, mestre do Boi de Guimarães, (sotaque de Zabumba, o mais tradicional do bumba-meu-boi) ocorrido na manhã de hoje (6). Ele era reconhecido pelo Ministério da Cultura como Mestre em Cultura Popular.

No ano de 1971, Seu Marcelino registrou a brincadeira que os seus ancestrais remanescentes de quilombos já praticavam há séculos. Em 1974, o Boi de Guimarães começou a fazer apresentações em São Luís durante as festas de são João. Atualmente, o Boi de Guimarães é hoje uma das “brincadeiras” mais tradicionais do Brasil.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.